Minas Gerais Médica é atingida por disparo acidental dentro de hospital de BH

Médica é atingida por disparo acidental dentro de hospital de BH

Arma estava na cintura do acompanhante de um paciente; dono da pistola possui apenas registro para uso em clube de tiro

  • Minas Gerais | Camila Cambraia, da Record TV Minas

Médica foi atingida por disparo no local de trabalho

Médica foi atingida por disparo no local de trabalho

Reprodução / Google Street View

Uma médica foi atingida por um disparo acidental dentro de um hospital particular localizado no bairro Santo Agostinho, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, na manhã desta terça-feira (5).

De acordo com a assessoria da Rede Mater Dei de Saúde, a arma estava na cintura do acompanhante de um paciente e disparou acidentalmente na direção do chão. Os estilhaços atingiram, de raspão, o tornozelo de uma médica da unidade, que foi atendida no local.

Veja: Criança é baleada acidentalmente pelo irmão em Santa Luzia (MG)

Segundo a Polícia Militar, o dono da arma, de 42 anos, é membro de um clube de tiros e possui o registro da pistola Glock 9 milímetros, mas não possui o porte da arma, tendo apenas autorização para transitar de sua residência até o clube de tiro.

De acordo com o órgão, o homem pode responder por três crimes: porte ilegal de arma de fogo, omissão de socorro e lesão corporal. A Polícia Civil informou que esteve no local realizando os trabalhos da perícia e que a ocorrência continua em andamento. A arma de fogo foi apreendida.

Veja, na íntegra, a nota divulgada pela Rede Mater Dei de Saúde:

"A Rede Mater Dei de Saúde informa que, nesta data, 05/10/21, por volta das 7h, houve um disparo acidental de arma de fogo na Unidade Santo Agostinho. A arma estava na cintura do acompanhante de um paciente –com registro e porte- e disparou acidentalmente em direção ao chão. Os estilhaços da bala atingiram, de raspão, o tornozelo de uma médica do nosso corpo clínico, que recebeu o devido suporte. Imediatamente, a equipe de Segurança acionou a Polícia Militar e todas as providências cabíveis ao caso foram tomadas."

Últimas