Minas Gerais Minas já tem mais casos de dengue que nos dois últimos anos somados

Minas já tem mais casos de dengue que nos dois últimos anos somados

Estado já apresenta mais de 66 mil ocorrências, de acordo com Secretaria de Estado da Saúde; seis pessoas morreram por causa da da doença

Minas tem mais de 66 mil casos de dengue em 2019

Minas tem mais de 66 mil casos de dengue em 2019

Léo Ramos Chaves

Se somarmos todos os casos de dengue contabilizados em Minas Gerais nos últimos dois anos, não alcançamos as estatísticas dos primeiros 84 dias de 2019. Balanço divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde nesta segunda-feira (25) mostra que houve uma explosão de casos da doença em Minas.

Até o momento foram contabilizados 66.629 registros de dengue neste ano. Em 2018, foram 29.369 e, no ano anterior, 25.933. Portanto, 2019 já apresenta 20,5% mais casos que nos anos de 2018 e 2017 somados.

Se compararmos somente com os dados do ano passado, houve aumento de 126% nas ocorrências registradas pela pasta. 

O Governo do Estado registrou a sexta morte pela doença. Até o momento foram registrados óbitos nos municípios de Arcos, Betim, Passos, Uberlândia e Unaí (dois). Outras 27 mortes ainda estão sendo investigadas e podem elevar para 33 a quantidade de vítimas da doença no ano. Em 2018, foram 11 casos fatais. 

Chikungunya e zika vírus

Em relação à febre Chikungunya, Minas Gerais registrou 869 casos prováveis da doença. Em 2019, até o momento, não houve registro de óbitos suspeitos da doença. No ano passado foram mais de 11 mil casos. Já em relação à Zika, foram registrados 262 casos prováveis da doença em 2019, até a data de atualização do boletim. O número é maior que o registrado em todo ano de 2018, quando houve 168 ocorrências.