Minas Gerais Moradores realizam protesto em BH após chuvas alagarem casas

Moradores realizam protesto em BH após chuvas alagarem casas

Ato ocorreu na Avenida Cristiano Machado, no bairro Primeiro de Maio e só parou após a chegada de um representante da PBH

Protesto durou cerca de 4 horas e gerou um longo congestionamento

Protesto durou cerca de 4 horas e gerou um longo congestionamento

Reprodução/Record TV Minas

Moradores atingidos pela chuva realizaram um protesto no bairro São Gabriel, região Nordeste de Belo Horizonte, na manhã desta segunda-feira (8).  O grupo fechou um dos principais acessos a avenida Cristiano Machado e só liberou a via após a chegada de um representante da prefeitura.

Móveis e tapumes foram colocados na pista para barrar o fluxo de veículos. A manifestação durou cerca de 4 horas e gerou um longo congestionamento na região. Após a negociação, uma reunião foi marcada para a a próxima quarta-feira (10), em uma creche do bairro. O representante da prefeitura disse que haveria possibilidade de fornecer um auxílio moradia para aqueles que perderam a casa.

Na avenida Cristiano Machado, casas e comércios ficaram alagados devido à chuva do fim de semana na capital. A água arrastou colchões, móveis e outros itens. Eletrodomésticos que restaram ficaram inutilizados pelo contato com a água.

Uma das atingidas, Dayana relata que não a chuva já atingiu o local em outras ocasiões.

— No ano passado também tivemos um grande estrago. A prefeitura veio, deu uma cesta básica, e um colchão. Em 2011 ocorreu uma chuva mais forte e nos deram uma indenização de mil reais. Só que isso não resolve nada. Às vezes, nem ajudam a gente.

Os temporais duraram cerca de 12 horas e em vários locais choveu o que estava previsto para todo o mês de fevereiro. 

*Estagiário do R7 sob supervisão de Flavia Miguel y Martins

Últimas