Minas Gerais Suspeito de compartilhar fotos de abuso sexual infantil é preso em BH

Suspeito de compartilhar fotos de abuso sexual infantil é preso em BH

Polícia Federal descobriu que brasileiro trocava conteúdo criminoso com um estrangeiro, que já foi identificado pela Interpol; pena pode chegar a 6 anos

Conteúdo de abuso sexual foi encontrado na casa do suspeito

Conteúdo de abuso sexual foi encontrado na casa do suspeito

Divulgação / Polícia Federal

A Polícia Federal prendeu, nesta terça-feira (17), um homem suspeito de armazenar e compartilhar arquivos de abuso sexual infantil na internet. Ele foi detido em Belo Horizonte.

O mandado de prisão, expedido pela 35ª Vara Federal, na capital mineira, e cumprido pela PF, resultou não só na prisão do suspeito como na apreensão de discos rígidos com o conteúdo armazenado.

Veja: Polícia prende suspeito de estupro, pedofilia e participação em aborto

Com base no artigo 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente, o suspeito acabou sendo preso em flagrante por “adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”.

Durante as investigações, que começaram em outubro, os policiais identificaram uma série de trocas de conteúdo infantil entre o homem preso na capital mineira e um estrangeiro, que já foi identificado pela Interpol.

A ação faz parte da Operação Roda Gigante, que tem o objetivo de combater esse tipo de crime no país. O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional e, caso condenado, poderá cumprir até seis anos de prisão.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli.

Últimas