Autos Carros Jeep Compass chega a 315 mil unidades produzidas; Veja 6 curiosidades

Jeep Compass chega a 315 mil unidades produzidas; Veja 6 curiosidades

Modelo fabricado em Goiana, em Pernambuco, é exportado para 16 países

  • Autos Carros | Do R7

Resumindo a Notícia

  • Compass 2022 vem equipado com motor 1.3 litro turbo de 185 cv
  • Versão híbrida é cogitada para ser vendida no Brasil
  • Cidade de São Paulo é a que mais compra o modelo no país
  • Crossover é o único da categoria a ter motor turbodiesel
Antes de chegar por aqui, a reestilização do Compass foi lançada na China e depois na Índia

Antes de chegar por aqui, a reestilização do Compass foi lançada na China e depois na Índia

Marcos Camargo Jr. 19.10.2021

Lançado em outubro de 2016, o Jeep Compass chegou a marca de 315 mil unidades produzidas em Goiana, em Pernambuco. Além de ter bons números na produção, o modelo teve 6.823 unidades vendidas no mês passado, o que o deixou na liderança do segmento de SUVs médios. A categoria ainda tem o novo Toyota Corolla Cross em segundo com 3.050 unidades compradas e o terceiro, também da montadora japonesa, o SW4 com 1.155 unidades negociadas. No acumulado do ano, o carro da Jeep teve 52.860 unidades emplacadas. Veja as curiosidades do crossover que é exportado para 16 países.

COMPASS LONGITUDE 1.3 turbo: o melhor custo benefício! Opinião sincera sobre o LÍDER DOS SUVS. Veja o vídeo!

1. O Jeep Compass é exportado para a Argentina, Bolívia, Chile, Costa Rica, Equador, El Salvador, Colômbia, Guatemala, México, Nicarágua, Panamá, Honduras, Paraguai, Peru, Venezuela e Uruguai. Também é produzido no México, China, Índia e Itália.

COMPASS USADO VALE A PENA? Quanto custa a manutenção, peças e revisões? Melhor que Equinox e Tiguan? Veja o vídeo!

2. O Jeep Compass também já foi produzido nos Estados Unidos, quando era importado para cá em 2012, ainda na primeira geração. Hoje o Compass é comercializado em mais de 100 países em todo o mundo.

NOVO COMPASS 1.3 turbo! Faça sua pergunta que respondo Ao vivo. Veja o vídeo!

3. A cidade de São Paulo é a que mais compra o Compass no Brasil. Logo atrás, vem Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF) e Fortaleza (CE). A cor branca é a mais vendida e a versão Longitude Flex é a queridinha dos brasileiros.

Jeep Compass tem a mesma plataforma da nova Fiat Toro

Jeep Compass tem a mesma plataforma da nova Fiat Toro

Marcos Camargo Jr. 19.10.2021

3. O Compass, que tem outros concorrentes como o Caoa Chery Tiggo 7, o novo Volkswagen Taos, Ford Territory, Mitsubishi Outlander, Hyundai IX35, Kia Sportage e Chevrolet Equinox, é o único da categoria a ter motor turbodiesel.

JEEP COMPASS 1.3 turbo ou COROLLA CROSS 2.0? Comparativo Longitude e XRE 2022. Veja o vídeo!

4. Além dessas curiosidades, a Jeep também vende na Europa a versão Compass 4xe, que é um híbrido plug-in com tração integral e autonomia de 50 quilômetros no modo elétrico de condução. O SUV ainda é capaz de fazer 47 km/l quando utiliza os dois motores e vem equipado com o trem de força de 1.3 litro turbo de 185 cv que trabalha junto com um elétrico de 60 cv. Juntos entregam 245 cv. O Compass híbrido foi cogitado para o Brasil ainda em 2020 mas até agora não foi lançado por aqui.

Novo Compass tem painel de instrumentos de 7 polegadas e central multimídia com tela de 10,25 polegadas

Novo Compass tem painel de instrumentos de 7 polegadas e central multimídia com tela de 10,25 polegadas

Marcos Camargo Jr. 19.10.2021

5. Antes de chegar por aqui, a reestilização do Compass foi lançada na China e depois na Índia. Todas as atualizações que conhecemos neste ano são derivadas do modelo asiático o que inclui painel de instrumentos de 7 polegadas e uma central multimídia com tela de 10,25 polegadas.

Versão Longitude Flex é a queridinha dos brasileiros

Versão Longitude Flex é a queridinha dos brasileiros

Marcos Camargo Jr. 19.10.2021

6. O Jeep Compass tem a mesma plataforma da nova Fiat Toro, que também compartilha o mesmo propulsor, e do Jeep Renegade, sendo fabricado na mesma unidade do grupo Stellantis em Pernambuco.

*Em colaboração Felipe Salomão

Últimas