Maior fábrica de blindados do mundo anuncia acordo com a Volvo

Visitamos a maior empresa de veículos blindados que vai oferecer proteção balística para os veículos da Volvo: plano é exportar para América Latina, Europa e Ásia

Marcos Camargo Jr

Dados da Abrablin (Associação Brasileira de Blindagem) apontam que em todo o país circulam 200 mil veículos blindados, número que cresce na ordem de 17 mil unidades por ano. De olho neste mercado que sempre cresce, dado o cenário de violência urbana que persiste no Brasil, a Volvo anunciou hoje uma parceria com a empresa Carbon Blindados capaz de aplicar a proteção balística em 6.000 veículos por ano.

Vidros usados na proteção balística são da marca AGP com até 20mm capaz de deter disparos

Vidros usados na proteção balística são da marca AGP com até 20mm capaz de deter disparos

Marcos Camargo Jr

O R7-Autos Carros visitou as instalações da Carbon que criou uma linha de montagem só para atender a demanda da Volvo. Em Barueri, na Grande São Paulo, a unidade tem 25 mil metros quadrados. Se trata das maior instalação desse tipo no mundo. Além da área de montagem/desmontagem e aplicação da proteção balística composta por aço, aramida e vidros especiais, o espaço conta com boxes específicos para testes. As duas empresas não revelaram o valor do investimento no projeto mas divulgaram que foram envolvidas 15 mil horas de desenvolvimento, 960 horas de testes balísticos enquanto 12 protótipos foram construídos. Uma equipe de 100 profissionais está envolvida na operação. 

Volvo divulgação

"É um trabalho que envolve a adequação da norma de produção de um modelo blindado com os parâmetros internacionais da Volvo que são um dos mais exigentes do mercado. As peças contam com rastreabilidade, ou seja, todos os itens da blindagem são numerados, para garantir a correta aplicação dos itens", explica João Oliveira, diretor de Operações da Volvo no Brasil.

Volvo divulgação

Os planos são audaciosos para exportar unidades da marca Volvo para outros mercados, especialmente a América Latina, que demanda muitos carros blindados devido ao mesmo cenário de intensa violência urbana. Uma unidade do XC60 já foi exportada para a Alemanha como teste e a parceria deve resultar também no envio de carros com proteção balística para outros países da Europa, Oriente Médio e Ásia, especialmente para a China.

Volvo divulgação

Os carros protegidos pela Carbon recebem proteção contra disparos de arma de fogo do tipo III-A e atendem às normas da União Europeia, Estados Unidos e também ABNT, que vigora no Brasil. 

Uma das vantagens da proteção balística oferecida pela Volvo é a manutenção da garantia de cinco anos do carro uma vez que o processo é homologado pela marca. Inicialmente a blindagem é válida para os SUVs XC40, XC60 e XC90, mas a Volvo não descarta ampliar as condições para os modelos S60 e V60.

No segmento premium a BMW oferece alguns SUVs blindados com proteção homologada pela fábrica em parceria com a Blindarte e Autostar, a Jaguar Land-Rover atua em parceria com quatro blindadores e a Audi oferece o Q5 com blindagem de fábrica. A Mercedes-Benz é a única do segmento a não oferecer modelos com proteção balística homologada pela marca.

Após a encomenda, rede de concessionários deve entregar o veículo em um prazo de até 30 dias

Após a encomenda, rede de concessionários deve entregar o veículo em um prazo de até 30 dias

Volvo divulgação

Preço da proteção balística Nível III-A para a linha Volvo (não inclui o preço do veículo)

XC40: R$ 75 mil

XC60: R$ 77,7 mil

XC90: R$ 78,7 mil