Autos Carros Tudo sobre o Fit aventureiro já registrado no Brasil 

Tudo sobre o Fit aventureiro já registrado no Brasil 

Modelo deverá desembarcar no Brasil somente na versão aventureira com motor 1.0 turbo

No início deste ano a Honda lançou para o mercado japonês e europeu o novo Honda Fit que ganhou nova geração e assumiu de vez a posição de monovolume que dependendo da roupagem pode ser um crossover leve.

Overboost

Mas é possível que nem todas as versões da novidade desembarquem por aqui. O motivo é simples: o carro ficaria muito caro. No mercado asiático o Fit ganhou painel totalmente digital, freio de estacionamento eletrônico e o Honda Sensing, conjunto de recursos de segurança que inclui piloto automático adaptativo, frenagem automática de emergência e também motorização híbrida, para a marca nacionalizar o carro, o preço seria muito alto, por isso a montadora prepara para o Brasil o City Hatch. O R7-Autos Carros detalhou tudo sobre o novo modelo na semana passada.

Com isso, apenas a versão aventureira do novo Fit deve desembarcar por aqui, substituindo o WR-V, que tem a mesma plataforma do antigo Fit, só que conta com uma dianteira que tem desenho próprio para o modelo. O carro já até foi registrado aqui no INPI, o que é um indicativo claro desta intenção.

Overboost

O canal Overboost BR, desenvolveu uma projeção que mostra como ficaria o novo Fit aventureiro, que no Japão é chamado de Crosstar. Por aqui, o modelo deverá se basear no WR-V, com bitola mais largas e molas e amortecedores específicos. Assim assumiria de vez a posição do crossover baseado  o atual Fit.

Na projeção é possível ver um teto flutuante, bastante usado em modelos aventureiros com efeito das duas cores que se destacam na carroceria. A dianteira tem inspiração na nova geração do Fit, com grandes faróis e entradas de ar no pára-choque. Já na parte traseira a lanterna ocupa a tampa do porta-malas e tem o tradicional logo Honda no meio da tampa.

Outra novidade que pode equipar o Fit aventureiro é a adoção do motor 1.0 três cilindros turbo da Honda. Ele é capaz de entregar 130cv. Seria uma grande evolução em relação ao motor 1.5 atual. Também há chance de chegar na versão híbrida porém com custo ainda mais alto.

Overboost

Com toda paralisação das fábricas e da crise econômica decorrente do Covid-19, é possível que o novo Fit chegue ao Brasil somente em 2021, quando a montadora lançará também os novos City na versão sedã e hatch.

*Com a colaboração de Guilherme Magna

Últimas