Blog do Nolasco Guedes demite secretário especial da Fazenda, Waldery Rodrigues

Guedes demite secretário especial da Fazenda, Waldery Rodrigues

No lugar dele, entrará o secretário do Tesouro Nacional, Bruno Funchal. Troca ocorre após sanção do Orçamento

Waldery sai após a sanção do Orçamento de 2021

Waldery sai após a sanção do Orçamento de 2021

Edu Andrade/Ministério da Economia - 21.05.2020

O secretário especial da Fazenda, Waldery Rodrigues, foi demitido pelo ministro Paulo Guedes do cargo nesta terça-feira (27). Para o lugar dele, foi escolhido o secretário do Tesouro Nacional, Bruno Funchal, conforme apurou o blog. 

A saída de Waldery ocorre devido a desgastes no governo, sendo o último deles a queda de braço na formulação do Orçamento, sancionado na semana passada pelo presidente Jair Bolsonaro. 

A LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2021 passou com um corte de R$ 19,8 bilhões em despesas e bloqueio extra de R$ 9,3 bilhões.

A polêmica em torno do Renda Brasil, programa sugerido pela Economia em substituição ao Bolsa Família, mas rechaçado por Bolsonaro por falta de recursos, também contribuiu para a queda do agora ex-secretário especial da Fazenda, que participou das discussões.

Em setembro do ano passado, outra polêmica quase custou o cargo de Waldery. Ele propôs congelar benefícios previdenciários, como aposentadorias e pensões, por dois anos, desvinculando-os do reajuste do salário mínimo. A proposta também não tinha aval do presidente e não saiu do papel.

Últimas