Declaração arrependida do ator Charlie Sheen expõe os mitos do sexo

Referência de masculinidade e felicidade amorosa para muitos, o ex-astro de Hollywood revelou que lamenta os erros que cometeu

Cenas de consumo de álcool e uma vida de prostituição marcaram a série norte americana Two and Half Man (encerrada em 2015), onde o protagonista era rico, alcoólatra e mulherengo. Os episódios retratavam a vida real do intérprete, Charlie Sheen, hoje com 55 anos. Esse estilo tornou-se referência para milhares de jovens, em todo o mundo.

Mas, a farsa dessa vida "aparentemente feliz" teve fim quando Sheen reconheceu que era portador de HIV. O fato de ter escondido que era soropositivo, levantou a possibilidade do ex-astro de Hollywood ser processado por mais de 700 ex-amantes. Recentemente, em entrevista ao site americano Yahoo!, o ator disse ter se arrependido de muitas atitudes que teve nos últimos dez anos de sua carreira. Ele lembrou de um surto público em uma época em que estava passando pelo terceiro divórcio e por abuso de drogas.

Charlie Sheen era o ator mais bem pago da televisão até se envolver em uma série de polêmicas

Charlie Sheen era o ator mais bem pago da televisão até se envolver em uma série de polêmicas

Reprodução/Instagram

"Se eu pudesse voltar no tempo, para quando me deram a chance de ir para reabilitação, eu teria ido. Eu estava carregado e meu cérebro não estava funcionando direito", revelou. Sheen foi demitido da série em março de 2011 e, na época, foi substituído por Ashton Kutcher.

Vítimas da manipulação

Fontes próximas do ator afirmaram que ele se gabava por ter dormido com muitas pessoas.

A verdade é que, enquanto muitos o admiravam, ele só se envolvia em novas polêmicas, como agressões e abusos.

Não é de hoje que a vida das celebridades pode ser um exemplo muito negativo para o comportamento das pessoas, sobretudo dos mais jovens, que buscam modelos para seguir. E, neste cenário, um ídolo tem maior probabilidade de influenciar os fãs.

Gravidez precoce

Dados da Organização Mundial da Saúde, OMS, divulgados em 2017, revelaram que na América Latina e no Caribe, a taxa de gravidez entre adolescentes é a segunda mais alta do mundo, superada apenas pela média da África Subsaariana.

Segundo especialistas, um dos motivos para o início sexual e gravidez precoces de crianças e adolescentes é o incentivo exacerbado da sexualidade.

Exemplos como o de Charlie Sheen ensinam aos jovens uma visão totalmente errada do que é o sexo

Exemplos como o de Charlie Sheen ensinam aos jovens uma visão totalmente errada do que é o sexo

Ministério da Saúde/Divulgação

Devido às péssimas influências, meninas e meninos têm se entregado a paixões, sem entendimento das consequências. Assim, uma parcela das jovens engravida, deixando de lado sonhos e contribuindo, inclusive, para a evasão escolar. As consequências não são apenas pessoais e familiares, mas sociais, sendo necessário políticas públicas de prevenção e acolhimento.

É triste ver uma juventude, incentivada pela mídia, educação e sociedade a usar o corpo como fonte de prazer sem ter maturação biológica e psicológica para tal, antecipando acontecimentos da vida adulta e correndo riscos desnecessários.

Alegria superficial

Numa sociedade onde os valores morais têm sido distorcidos, há uma necessidade urgente de se falar sobre o assunto.

A mídia, de forma geral, fortalece a ideia de que ter muitas experiências sexuais traz empoderamento e que ser fiel é careta. Hoje em dia, por exemplo, não é preciso entrar em sites pornográficos para ver nudez, para isso, basta entrar nas redes sociais, nos sites de notícias, em determinados grupos de Whatsapp etc.

Perfil de homem mulherengo rendeu, além do HIV, divórcios, relacionamentos problemáticos e muitos processos

Perfil de homem mulherengo rendeu, além do HIV, divórcios, relacionamentos problemáticos e muitos processos

Getty Images

Muitas pessoas continuam se enganando e achando que o "perfil Charlie Sheen" traz algum tipo de realização. Percebo que não há uma preocupação com os sentimentos do outro, muito menos com a saúde física.

Dessa forma, a banalização do amor e do sexo pode trazer consequências desastrosas para qualquer ser humano.

A falta de amor-próprio e do compromisso com princípios tem levado a uma busca desenfreada por uma "realização vazia".

Por isso, mais do que nunca, precisamos resgatar valores que retornem o indivíduo à sua verdadeira essência, uma vez que a procura pela felicidade deveria estar focada em uma vida familiar pautada em respeito e realizações mútuas.

Então, é muito importante escolher a dedo quem são suas referências e por quem se deixará influenciar. Se você quer ser feliz, de fato, no amor, nada melhor do que se inspirar em quem conquistou isso, de verdade.

Últimas