Rio de Janeiro Acidente com BRT deixa ao menos um morto na zona oeste do Rio

Acidente com BRT deixa ao menos um morto na zona oeste do Rio

Ônibus tombou perto da estação Mato Alto após envolvimento com carro que invadiu corredor. Muitos passageiros ficaram feridos

Um acidente envolvendo um ônibus do BRT, na noite desta quinta-feira (10), perto da estação Mato Alto, na zona oeste do Rio, deixou ao menos uma passageira morta e vários passageiros feridos.

Segundo a concessionária que administra o BRT, "a invasão da pista exclusiva do BRT por um carro de passeio acabou provocando um acidente grave por volta das 19h40 desta quarta-feira, entre as estações Embrapa e Mato Alto, no corredor Transoeste. O articulado acabou virando e uma passageira morreu no local."

Passageiros se feriram em acidente

Passageiros se feriram em acidente

WhatsApp / Record TV Rio

O Corpo de Bombeiros confirmou ter sido acionado por volta de 19h45 para a ocorrência. Ainda não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.

De acordo com as primeiras informações, o acidente foi provocado por um veículo de passeio que tentou acessar o corredor do BRT. Após a batida, o automóvel e o coletivo tombaram na avenida Dom João VI.

Usuários que utilizam o transporte reclamam diariamente da superlotação, além da manutenção dos coletivos.

Na última semana, o prefeito Eduardo Paes anunciou que vai abrir uma licitação para um novo consórcio gerir o serviço.

Estágio de mobilização

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio informou que o município entrou em estágio de mobilização às 21h desta quarta-feira, em razão do acidente envolvendo um ônibus do BRT. Equipes do Corpo de Bombeiros, PM, CET-Rio atuam no local.

De acordo com a prefeitura carioca, o estágio de Mobilização é o segundo nível em uma escala de cinco e significa que há riscos de ocorrências de alto impacto na cidade. Há possibilidade de nova mudança de estágio devido à chuva ou outros fatores.

Prefeitura emite nota

Em nota, a Prefeitura do Rio lamentou o acidente e afirmou "solidariza-se com as famílias das vítimas e informa que acompanhará de perto as investigações sobre as causas do ocorrido".

Segundo o comunicado, a Secretaria Municipal de Saúde informou que, 34 acidentados — até por volta das 22h — foram encaminhados para hospitais municipais e estaduais. O Corpo de Bombeiros confirmou uma morte.

Últimas