Rio de Janeiro Alerj doa R$ 20 milhões para Fiocruz para combate do novo coronavírus

Alerj doa R$ 20 milhões para Fiocruz para combate do novo coronavírus

Dinheiro da assembleia estadual deverá ser usado para desenvolver um plano de enfrentamento à covid-19. Witzel tem 15 dias uteis para sancionar repasse

  • Rio de Janeiro | Lucas Ferreira, do R7*

Fundação é referência no combate à pandemia

Fundação é referência no combate à pandemia

Erasmo Salomão/Ministério da Saúde/Divulgação

A Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro) aprovou nesta terça-feira (20) um repasse de R$ 20 milhões à Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) para o combate do novo coronavírus. A doação feita pela assembleia tem como objetivo financiar ações de enfrentamento contra a covid-19 no Estado.

Parque Olímpico da Barra da Tijuca reabre nesta terça-feira (4) no Rio

Para o repasse ser feito, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel tem até 15 dias para sancionar a proposta feita originalmente pela deputada Renata Souza (Psol).

Após aprovação do chefe do poder executivo estadual, a Fiocruz deve apresentar um relatório detalhado com os gastos e um cronograma para desembolso. As informações, além de repassadas à Alerj, precisam estar também no site da fundação.

Para Souza, a Fiocruz deve destinar a verba para ações que condizem com o atual estágio da pandemia e que reflitam a realidade do local para o qual foi aplicada. A deputada estadual também reforça que a fundação precisa observar as evidências científicas apresentadas por especialistas.

Rio registra mais de 3 mil multas por falta do uso de máscara

“Essa medida propõe a instalação de dispositivos de atendimento e prevê que haja a necessária customização destes à realidade dos territórios e à situação sanitária do estágio da pandemia. Ainda assim, é preciso levar em consideração as evidências científicas que se apresentam no transcurso da pandemia e as características de normativas governamentais e protocolos decorrentes.”

Em nota, a Alerj informou que pelo menos 19 deputados assinaram o texto como coautores da proposta.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Ingrid Alfaya

Últimas