Rio de Janeiro Corpo de mulher arrastada por enxurrada será enterrado no RJ

Corpo de mulher arrastada por enxurrada será enterrado no RJ

Temporal que atingiu Caxias, na Baixada Fluminense, deixou 150 famílias desalojadas. Governador em exercício visitará áreas afetadas

O corpo de Fátima Marina Fernandes de Carvalho, de 61 anos, que morreu durante o temporal que deixou 150 famílias desalojadas em Caxias, na Baixada Fluminense, será enterrado no Cemitério da Taquara, na mesma região, na tarde desta quinta-feira (24).

Chuva provocou cenário de destruição em Xerém

Chuva provocou cenário de destruição em Xerém

João Cassiano/Arquivo pessoal - 23.12.2020

A mulher e a sobrinha foram arrastadas pela enxurrada na terça (22). Um vídeo registrado por moradores flagrou o momento em que a jovem foi levada pela força da água.

Em meio ao cenário de destruição, ao menos três casas desabaram. Uma das localidades mais afetadas foi Xerém, onde carros ficaram debaixo d'água.

O governador em exercício do Rio, Cláudio Castro, e o prefeito de Caxias,  Washington Reis, devem fazer uma visita às áreas  atingidas pela chuva ainda hoje.

Medidas

A prefeitura informou que será publicado um decreto oficial declarando estado de calamidade ainda hoje. Segundo o munício, a medida visa agilizar a compra de apartamentos do programa Minha Casa Minha Vida para quatro famílias desabrigadas, além de agilizar a distribuição dos auxílios.

Para o atendimento de desalojados, o município montou pontos de apoio em Xerém e nos bairros Santo Antônio e Carreteiro.

O Estado se comprometeu a enviar 100 kits de limpeza e cestas básicas, além de 1000 colchões, para auxiliar na higienização das casas afetadas e para o retorno das famílias atingidas, assim que houver condições favoráveis de segurança e saúde nesses locais.

Últimas