Rio de Janeiro Força-tarefa contra milícia interdita prédio em construção no Rio

Força-tarefa contra milícia interdita prédio em construção no Rio

De acordo com a Polícia Civil, imóvel não teria autorização nem responsável técnico; prejuízo estimado é de R$ 26 milhões para o grupo criminoso

  • Rio de Janeiro | Ana Beatriz Araújo, do R7*

Uma força-tarefa da Polícia Civil interditou, nesta quarta-feira (16), um prédio em construção que seria da milícia no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio.

Prejuízo estimado é de R$ 26 milhões

Prejuízo estimado é de R$ 26 milhões

Divulgação/Polícia Civil

Segundo os agentes, o imóvel não tem autorização para ser construído nem responsável técnico. Os prejuízos para o grupo criminosos foram estimados em R$ 26 milhões.

Uma pessoa morre e 15 ficam feridas em acidente no Rio

Em depoimento, o dono do empreendimento confirmou as irregularidades da obra e afirmou que, apesar disso, alguns dos 98 apartamentos já foram vendidos. O homem também assumiu a responsabilidade do projeto assim como o custeio.

Em buscas realizadas pelos policiais, foi encontrado anúncio dos imóveis que chegavam a custar R$ 270 mil.

Ainda de acordo com a polícia, o delegado responsável pela força-tarefa pediu mandado de busca e apreensão na casa do suspeito. Os agentes acreditam que há fortes indícios que o homem faça parte da milícia.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas