Idosa é presa no Rio suspeita de jogar água quente no neto de 4 anos

De acordo com a polícia, mulher de 72 anos tem passagens contra furto, estelionato, lesão corporal e tortura; caso aconteceu na Tijuca

Idosa vai responder por lesão corporal grave

Idosa vai responder por lesão corporal grave

Divulgação/Polícia Civil

Policiais da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Borel e da 19ªDP (Tijuca) prenderam, nesta terça-feira (25), uma idosa suspeita de jogar água quente no neto de 4 anos.

De acordo com a polícia, os agentes foram até o apartamento da mulher de 72 anos, localizado na Tijuca, zona norte do Rio, para cumprir um mandado de prisão por lesão corporal grave. Além disso, ela também tem passagens por estelionato e furto.

Suspeitos de atirar em mulher em assalto a ônibus são presos no Rio

A idosa foi encaminhada a delegacia onde também vai responder pelo crime de tortura. Ela será transferida para a Penitenciária Feminina de Niteroi, na região metropolitana.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa