Rio de Janeiro MP convoca modelo a prestar novo depoimento sobre MC Kevin

MP convoca modelo a prestar novo depoimento sobre MC Kevin

Bianca Dominguez apresentou versões diferentes. Polícia diz que testemunha que afirma ter visto queda não estava no país

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Record TV Rio

Resumindo a Notícia

  • Acompanhante de MC Kevin é chamada para prestar novo depoimento
  • Música estrangeiro que afirmou ter visto VK com Kevin não estava no Brasil naquele período
  • Ministério Público apura novas informações e conduz investigação junto à Polícia Civil
  • MC Kevin morreu após cair do 5º andar de hotel na Barra da Tijuca em maio
Acompanhante de MC Kevin é chamada para prestar novo depoimento pelo MP-RJ

Acompanhante de MC Kevin é chamada para prestar novo depoimento pelo MP-RJ

Reprodução/Record TV

O Ministério Público do Rio de Janeiro convocou a modelo Bianca Dominguez a prestar um novo depoimento sobre a morte de MC Kevin, ocorrida em maio deste ano. Ela estava com o cantor no momento em que o funkeiro caiu do quinto andar de um hotel na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade.

Em entrevista, a acompanhante de luxo mudou a versão apresentada em depoimento e disse ter se lembrado de uma "discussão acalorada" entre Kevin e o amigo MC VK pouco antes da queda. 

A viúva de Kevin, Deolane Bezerra, questionou as alegações dadas por Bianca e afirmou que a modelo não atendia a polícia dias após o ocorrido

Em agosto, o músico português Fernando Jimmy Júnior, de 22 anos, contatou a defesa de Bianca para dizer que viu a queda de MC Kevin. A suposta nova testemunha estaria no prédio que fica em frente ao edifício onde tudo aconteceu. Ele afirmou que viu a movimentação no quarto; que no momento do acidente ouviu claramente Kevin pedir ajuda a MC VK; e que parecia que VK havia incentivado o funkeiro a descer para o andar de baixo.

Apesar da declaração, agentes da 16ª DP (Barra da Tijuca) que investigam o caso confirmaram que nenhum estrangeiro com esse nome entrou ou saiu do Brasil naquele período. A consulta foi feita pela Polícia Federal. 

Relembre o caso

No dia anterior ao da morte, Kevin e amigos teriam ido a uma casa de festas. Segundo a esposa do cantor, ele terminou de se apresentar por volta das 6h daquele domingo, dia 16 de maio.

Em seguida, o casal esteve na casa de um MC, também na Barra da Tijuca, onde permaneceu até o meio-dia. A advogada Deolane Bezerra contou que o marido estava agitado porque havia consumido álcool e drogas, o que foi confirmado, no dia 27 daquele mês, pelo resultado do exame toxicológico

Kevin e Deolane teriam discutido

Kevin e Deolane teriam discutido

Reprodução/Instagram

Ao retornar para o hotel, Kevin teria dito a Deolane que não queria dormir. Os dois teriam se desentendido por Kevin renovar a diária de hospedagem para os amigos.

A Record TV teve acesso às imagens de câmeras de segurança do quiosque onde MC Kevin passou a tarde antes do acidente. No vídeo, é possível ver o cantor cambaleando

Após conhecer Bianca Dominguez na praia, o funkeiro se dirigiu a um quarto do quinto andar do hotel, o mesmo em que se hospedou com a esposa, acompanhado de VK, para manter relações sexuais com a modelo. Outro amigo, Jonathan, também teria entrado no quarto para tentar participar do encontro.

Inicialmente, a principal hipótese levantada pela polícia foi que Kevin caiu ao tentar pular de uma sacada para outra, supostamente para não ser flagrado pela esposa, que estava no 13º andar. A perícia concluiu que a morte foi acidental e sem ação violenta.

Fatos pós-morte

Em nota, a Polícia Civil informou que as investigações sobre a morte do MC Kevin seguem para cumprir as determinações do Ministério Público.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas