Rio de Janeiro Operação policial apreende vans exploradas pela milícia no RJ

Operação policial apreende vans exploradas pela milícia no RJ

Ação teve como objetivo desarticular o braço financeiro do bando do miliciano conhecido como Ecko, que faturava até R$ 160 mil por mês com esquema

Veículos vão ser periciados pela polícia

Veículos vão ser periciados pela polícia

Reprodução

Uma operação policial apreendeu, nesta terça-feira (28), 10 vans possivelmente usadas pela milícia para controlar o transporte alternativo em Guaratiba, na zona oeste do Rio de Janeiro.

A ação teve como objetivo desarticular o braço financeiro do bando do miliciano conhecido como Ecko.  As investigações apontam que o grupo faturava cerca de R$ 160 mil, por mês, com a ação criminosa.

De acordo com policiais da DRFA (Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis), os veículos vão ser periciados por suspeita de clonagem ou adulteração.

A Polícia Civil investiga um esquema em que motoristas de vans e aplicativos eram obrigados a pagar taxas ao grupo para poder prestar o serviço.

Além disso, quem não participasse da negociação era impedido de atuar na região. Os moradores também eram obrigados a escolher os veículos autorizados pela milícia.

A ação contou com o apoio operacional das delegacias da 43ªDP (Guaratiba), 48ªDP (Seropédica), 53ªDP (Mesquita), 56ª DP (Comendador Soares) e da Secretaria Municipal de Transporte.

Últimas