Polícia cumpre mandados contra suspeitos de lavagem de dinheiro

Ação da Polícia Civil no Jacarezinho teve tiroteios e interrompeu circulação de trens; buscas ocorrem também na Baixada Fluminense e em Minas Gerais

Operação gerou transtorno nas proximidades

Operação gerou transtorno nas proximidades

Reprodução

Agentes da 19ª DP (Tijuca) realizaram uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão contra acusados de crime de lavagem de dinheiro em diversas comunidades do Rio de Janeiro nesta terça-feira (17).

Veja também: Sobe para 13 número de mortos em incêndio de hospital no Rio

A ação está sendo realizada nas comunidades do Jacaré, do Complexo do Alemão, da Serrinha e no bairro de Honório Gurgel, na zona norte do Rio, Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense e na cidade de Juiz de Fora, no estado de Minas Gerais. A operação conta com apoio da Core (Coordenadoria de Recursos Especiais).

De acordo com a delegada Cristiana Bento, titular da 19ª DP, em seis meses os suspeitos chegaram a movimentar aproximadamente R$ 650 mil em dinheiro. Ainda segundo a delegada, durante a investigação mais de R$ 3 milhões da quadrilha foram bloqueados.

Segundo a SuperVia em função de um tiroteio nas proximidades da estação Jacarezinho, foram interrompidos parcialmente a circulação dos trens do ramal Belford Roxo. Além disso, as partidas da Central do Brasil para esse ramal também ficaram suspensas.

Após tiroteio, técnicos da SuperVia vistoriaram a rede aérea e identificaram danos na estrutura em uma das linhas. Os reparos já estão sendo realizados.

*Sob supervisão de PH Rosa