Rio de Janeiro Sobe para 13 número de mortos em incêndio de hospital no Rio

Sobe para 13 número de mortos em incêndio de hospital no Rio

Áurea Martins de Oliveira estava internada em um hospital de Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro e morreu na madrugada desta terça-feira (17)

incêndio hospital badim

Subiu para 13 o número de mortos em incêndio

Subiu para 13 o número de mortos em incêndio

Fernando Frazão/Agência Brasil

Subiu para 13 o número de mortos em decorrência do incêndio no Hospital Badim, no Maracanã, na zona norte do Rio de Janeiro. Áurea Martins de Oliveira estava internada em um hospital de Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, e morreu na madrugada desta terça-feira (17). A informação foi confirmada pela direção do hospital.

Especialista vê falhas em vídeo que mostra combate a fogo em hospital

Áurea Martins tinha sido transferida para a unidade no dia 12. Em nota, o hospital se solidarizou com os familiares e amigos da paciente.

Nesta terça-feira (17), a 12ª vítima fatal do incêndio será enterrada. Yolandina Gaspar vai será sepultada no Cemitério de Inhaúma, zona norte do Rio, às 14h. 

O delegado responsável pelo caso, Roberto Ramos, da 18ª DP (Praça da Bandeira), já constatou que o fogo começou no gerador do hospital. No entanto, a perícia vai solicitar que a empresa responsável pela manutenção do equipamento retire uma peça para análise com intuito de identificar a causa do incêndio.

Limpeza

Segundo a assessoria do Hospital Badim, cerca de 30 funcionários fazem nesta terça (17) um mutirão de limpeza e organização do prédio novo da unidade. Ele não foi afetado pelo incêndio do último dia 12, que atingiu apenas o prédio antigo e resultou na morte de 13 pessoas.

O prédio não está interditado pela Defesa Civil, mas ainda não há previsão de retomada das atividades na unidade. 

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa