Rio de Janeiro Polícia prende chefe do tráfico no Caju e apreende dez fuzis

Polícia prende chefe do tráfico no Caju e apreende dez fuzis

Bob do Caju é apontado como um dos responsáveis por invasão à Rocinha

Polícia prende chefe do tráfico no Caju e apreende dez fuzis

Fuzis seriam usados para reforçar arsenal do morro do São Carlos

Fuzis seriam usados para reforçar arsenal do morro do São Carlos

Reprodução/Polícia Civil

O suspeito de chefiar o tráfico de drogas na comunidade do Caju, região portuária do Rio, foi preso na madrugada deste sábado (23). Luiz Alberto Santos de Moura, conhecido como Bob do Caju, é um dos responsáveis pela invasão na favela da Rocinha, zona sul, no domingo passado (17), segundo informações da polícia.

Bob do Caju estava foragido

Bob do Caju estava foragido

Reprodução/Disque-Denúncia

Foragido da Justiça, Bob do Caju foi encontrado em um bairro residencial na Ilha do Governador, zona norte da cidade. Contra ele, havia um mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio qualificado, além de anotações por tráfico de drogas, roubo e latrocínio. O Disque-Denúncia oferecia recompensa de R$ 1 mil por informações que levassem a captura do criminoso.  Segundo as investigações, nos últimos dias, ele ficou escondido no morro do São Carlos, região central, de onde planejou a invasão à Rocinha.

Os agentes também conseguiram apreender dez fuzis, que seriam levado ao morro do São Carlos para reforçar o poder bélico dos criminosos. O arsenal, teria sido usado na invasão do último domingo e retornado ao morro do Caju, por conta das operações policiais na favela da Rocinha.

Após novo tiroteio na Rocinha, Exército prende cinco

Forças Armadas ficarão na Rocinha por tempo indeterminado

Bob do Caju foi preso por policiais da DRF (Delegacia de Roubos e Furtos) e do DPGE (Departamento Geral de Polícia Especializada), com apoio da Core (Coordenadoria de Recursos Especiais).

Jaqueline Suarez, estagiária do R7 Rio

    Access log