Rio de Janeiro Prefeitura anuncia intervenção no BRT a partir desta terça (23)

Prefeitura anuncia intervenção no BRT a partir desta terça (23)

Alvo de reclamação diária dos passageiros, sistema terá administração municipal até que seja feita nova licitação

  • Rio de Janeiro | Victor Tozo, do R7*

A Prefeitura do Rio anunciou que inicia nesta terça-feira (23) a intervenção no BRT, alvo de reclamações diárias de passageiros devido à superlotação e más condições no transporte.

A informação foi confirmada pelo prefeito Eduardo Paes por meio de rede social. 

Passageiros reclamam de condições do BRT

Passageiros reclamam de condições do BRT

Record TV

No último dia 3, Paes já havia informado que pretendia administrar o serviço temporariamente, antes de abrir uma licitação para uma nova concessão.

Entre as primeiras ações previstas estão reabertura de estações, melhorias na infraestrutura do transporte e reforço na segurança. As medidas devem ser implementadas duas semanas após um grave acidente perto da estação Mato Alto, na zona oeste, deixar uma passageira morte e mais de 40 feridos.

Em nota, a Prefeitura afirma que a intervenção, feita em coordenação com a SMTR (Secretaria Municipal de Transportes), tem objetivo de "requalificar o sistema BRT e assegurar a continuidade da prestação do serviço". Está previsto um levantamento técnico para avaliar a situação da frota que está fora de circulação e dos serviços que devem ser feitos para que os coletivos voltem às ruas. 

Outros órgãos municipais envolvidos na operação são as secretarias de Ordem Pública, Conservação, Infraestrutura e as subprefeituras da zona oeste, zona norte, Jacarepaguá e Barra da Tijuca, além da Cet-Rio (Companha de Engenharia de Tráfego do RJ), Rioluz, Comlurb e Centro de Operações Rio.

Procurado, o BRT informou que não se manifestará, por enquanto.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas