Rio de Janeiro Rio das Pedras: enterro das vítimas ocorre nesta sexta

Rio das Pedras: enterro das vítimas ocorre nesta sexta

Natan Gomes e Maitê, pai e filha, morreram; Kátia Abreu, mãe e esposa das vítimas, está internada com quadro grave

  • Rio de Janeiro | Rafael Nascimento, do R7 *, com Felipe Batista da Record TV Rio

Família dormia quando desmoronamento aconteceu

Família dormia quando desmoronamento aconteceu

Reprodução/ Redes sociais

O sepultamento das vítimas Natan Gomes, de 30 anos, e Maitê, de 2 anos, pai e filha, que morreram após desabamento de um prédio de quatro andares em Rio das Pedras, na zona oeste do Rio de Janeiro, na madrugada desta quinta-feira (3), está previto para esta sexta (4), às 16h, no cemitério do Caju, na zona norte.

A equipe de assistência social da Secretaria de Vitimados segue acompanhando a família das vítimas, e segundo apuração da Record TV Rio, a documentação para liberação dos corpos já está pronta. O enterro vai ser custeado pela Secretaria, que também vai encaminhar duas vans para buscar as famílias.

Além das mortes de Natan e Maitê, outras quatro pessoas ficaram feridas no desabamento, incluindo, Kiara Abreu, de 26 anos, mãe e esposa das vítimas, que segue internada no CTI (Centro de Terapia Intensiva) do Hospital Municipal Miguel Couto, na zona sul, com quadro de saúde grave e instável. 

Prédio irregular

Construção era irregular

Construção era irregular

Antonio Lacerda/EFE - 03.06.2021

A Polícia Civil identificou o comerciante Genivan Gomes Macedo como dono e construtor do imóvel que desabou. Ele é pai de Natan e foi levado para a 16ª DP (Barra da Tijuca), nesta quinta (3), para prestar esclarecimentos.

A Secretaria Estadual de Polícia Civil do Rio montou uma força-tarefa reunindo quatro delegacias (16ª DP da Barra da Tijuca, 32ª DP da Taquara, Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais) para apurar as circunstâncias do desabamento do prédio e o possível envolvimento de milicianos em construções irregulares na região.

*Estagiário do R7 sob supervisão de Celso Fonseca

Últimas