Rio multa 56 bares e restaurantes em três dias de fiscalização

Segundo a Vigilância Sanitária, cinco estabelecimentos foram fechados por não respeitar as regras impostas pelo município para a reabertura

Bares ficaram cheios em reabertura no Rio

Bares ficaram cheios em reabertura no Rio

Reprodução/Record TV Rio

A Prefeitura do Rio de Janeiro multou 56 bares e restaurantes entre a noite de quinta-feira (2) e a madrugada de domingo (5) por descumprirem as medidas impostas pelo município para a abertura do seguimento. Segundo a Vigilância Sanitária, cinco estabelecimentos foram fechados durante as fiscalizações.

Rio: clientes de bar cantam "não vou embora" na presença da polícia

Grande parte das multas foram aplicadas por falta de higiene, funcionamento irregular e aglomeração. O bairro campeão de infrações foi a Barra da Tijuca, na zona oeste da capital, com sete multas.

Um dos bares interditados na Barra da Tijuca, na rua Olegário Maciel, também teve a apreensão de 97 kg de carne e queijos impróprios para consumo. De acordo com o supreintende de Educação e Projetos da Vigilância Sanitária do Rio de Janeiro, Flávio Graça, o estabelecimento funcionava com irregularidades.

"Na parte estrutural identificamos pontos de infiltração, buracos na parede, falta de dispensadores de sabão e álcool em gel para a higiene dos funcionários. Além disso, encontramos uma grande quantidade de alimentos sem procedência e com data de validade vencida."

Associação de bares do Rio culpa ambulantes por aglomerações

Segundo a Prefeitura do Rio de Janeiro, as equipes da Vigilância Sanitária e Ordem Pública do município já passaram por cerca de 30 bairros nas zonas norte, oeste e sul. São ficalizados o distancimento entre mesas e pessoas, o uso de máscara, além da disponibilidade de itens de higiene para clientes e funcionáriaos.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa