Rio de Janeiro Rio: operação da Polícia Civil prende suspeito em casa de luxo no Pará

Rio: operação da Polícia Civil prende suspeito em casa de luxo no Pará

Homem também foi apontado como um dos responsáveis por invasão no Morro dos Macacos, em 2009, que terminou com queda de helicóptero da PM

Presos e apreensões foram levados para Cidade da Polícia

Presos e apreensões foram levados para Cidade da Polícia

JOSE LUCENA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO/21.11.2018

A Polícia Civil do Rio prendeu na Operação Bufano um suspeito em uma casa de luxo em Belém, no Pará, nesta quarta-feira (21). Ele é o principal alvo da ação, que levou para cadeia mais 12 pessoas, incluindo dois policiais militares. 

Vídeo mostra tiroteio com balas traçantes na Baixada Fluminense

O homem estava em liberdade desde julho deste ano após decisão da Justiça.

O suspeito foi apontado como um dos responsáveis por ordenar de dentro do presídio de Bangu, em outubro de 2009, uma invasão ao Morro dos Macacos, na zona norte do Rio. Na ação, um helicóptero da PM foi derrubado e três policiais morreram.

O R7 tentou entrar em contato com o advogado do suspeito preso, mas até a publicação da reportagem, ele não possuía advogado constituído.

A Operação Bufano ocorre desde o início da manhã em comunidades da zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com informações da 44ª DP (Inhaúma), a ação tem como objetivo cumprir 17 mandados de prisão contra suspeitos de tráfico de drogas e venda ilegal de gás

O grupo responde pelos crimes de organização criminosa, extorsão e lavagem de dinheiro.