RJ: humorista e outros três homens morrem em operação na zona norte

Diego de Farias Pinto, conhecido como Bunitinho, foi surpreendido por um tiroteio quando saía de uma apresentação no morro do Dendê

Bunitinho era sucesso na internet

Bunitinho era sucesso na internet

Reprodução/Redes Sociais

Um humorista e outras três pessoas foram mortas na madrugada desta quinta-feira (5) durante uma operação no morro do Dendê, na Ilha do Governador, zona norte do Rio de Janeiro. Entre as vítimas está Diego de Farias Pinto, o Bunitinho.

Rio: BRT volta a circular em trecho entre Santa Cruz e Campo Grande

O humorista saía de uma apresentação em um baile funk no momento em que homens do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) subiam a comunidade para verificar uma denúncia de uma reunião de líderes do tráfico na comunidade do Dendê.

Segundo a Polícia Militar, homens do Bope foram recebidos a tiros, o que teria iniciado o confronto. Após o término da troca de tiros, militares encontraram um carro batido com três homens feridos dentro, além de um motociclista ferido.

Os policiais levaram as vítimas ao Hospital Municipal Evandro Freire, também na Ilha do Governador, onde não resistiram aos ferimentos. Além de Bunitinho, o empresário do humorista, Jorge Tadeu, também faleceu.

De acordo com a Polícia Civil, a DH-Capital (Delegacia de Homicídios) vai assumir as investigações do caso e tenta apurar a morte dos quatro homens no Tauá, nas proximidades do morro do Dendê.

Mãe perde guarda da filha e some com menina em dia de visita no RJ

Em nota, a Polícia Militar declarou que um homem do Bope também ficou ferido na operação e que a ação será investigada em um IPM (Inquérito Policial Militar).

Bunitinhu ficou conhecido na internet após um vídeo em que aparece falando “sextou” viralizar nas redes sociais. Atualmente, o comediante tem mais de 400 mil seguidores no Instagram.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa