Rio de Janeiro RJ: Itaguaí decreta estado de calamidade pública após temporal

RJ: Itaguaí decreta estado de calamidade pública após temporal

Cerca de 120 família estão desalojadas ou desabrigadas; pontos mais críticos são os bairros de Amendoeira, Cantão do Engenho e Monte Serrat

  • Rio de Janeiro | Ludmila Gomes, do R7*

Chuva alagou vários pontos do estado no último fim de semana

Chuva alagou vários pontos do estado no último fim de semana

Reprodução/Record TV Rio

A Prefeitura do município de Itaguaí, na região metropolitana do Rio, decretou estado de calamidade pública nesta terça-feira (03), após o forte temporal que atingiu o Estado no último fim de semana.

Segundo a prefeitura, cerca de 120 famílias estão desabrigadas e desalojadas. Os locais mais críticos são os bairros de Amendoeira, Cantão do Engenho e Monte Serrat, que continuam com pontos de enchente mesmo após a diminuição do volume de chuva.

Leia mais: Temporal causa alagamentos e deixa mortos no Rio de Janeiro

Em nota, a Prefeitura afirmou que precisa de uma máquina específica para desobstrução da passagem da água para o mar, chamada Dragline, entretanto, o órgão diz que o Inea (Instituto Estadual do Ambiente) possui o equipamento e tem a obrigação de disponibilizá-lo. Já o Inea afirma que a máquina está localizada em Queimados, na Baixada Fluminense.

Doações

Quatro pontos de apoio em escolas municipais estavam sendo usados para acolher os moradores, mas a partir desta terça-feira (3) serão concentrados na Igreja Assembleia de Deus Ministério Palavra Viva, na rua Aarão de Moura Brito, Lote 9, no bairro de Monte Serrat.


As doações podem ser feitas na Central de Recebimento de Donativos que foi disponibilizada para as vítimas das enchentes no prédio das Secretarias de Educação e Cultura, Saúde e Assistência Social. O endereço é avenida Prefeito Isoldakson Cruz de Brito, nº 18.745, no bairro de Vila Margarida.

*Estagiária do R7 sob supervisão de PH Rosa

Últimas