Rio de Janeiro RJ: Polícia faz ação contra quadrilha que frauda cartões de passagem

RJ: Polícia faz ação contra quadrilha que frauda cartões de passagem

Segundo as investigações, grupo conseguia quebrar chave de segurança do objeto usando um programa de clonagem. Prejuízo pode chegar aos R$ 15 mi

  • Rio de Janeiro | Lucas Ferreira, do R7*

Três pessoas foram presas em flagrante durante ação

Três pessoas foram presas em flagrante durante ação

Reprodução/Record TV Rio

A Polícia Civil realiza na manhã desta quarta-feira (4) uma operação contra uma quadrilha suspeita de clonar créditos de cartões de passagem para a utilização em trens da SuperVia. Três pessoas foram presas em flagrante na estação de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, apontadas como participantes do grupo.

PM é suspeito de matar motorista de aplicativo na linha Amarela

Segundo as investigações da 20ª DP (Vila Isabel), o grupo quebrava o código de chave de segurança do cartão usando programas hackers. Após a clonagem dos créditos, a quadrilha revendia os vales-transporte em estações de trem do sistema da SuperVia, empresa que administra os trens urbanos da região metropolitana do Rio de Janeiro.

A estimativa é de que a quadrilha tenha causado um prejuízo de R$ 15 milhões por ano. Os agentes da 20ª DP tentam cumprir 17 mandados de busca e apreensão contra o grupo durante a operação batizada de Houdini, em alusão a um dos apelidos de um integrante da quadrilha conhecido como mágico.

Em nota, a Polícia Civil informou que o grupo pode ter envolvimento com suspeitos de participação em milícias. Se condenados, os integrantes da quadrilha podem pegar até 18 anos de prisão.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas