Rio de Janeiro RJ: Polícia procura três garotos desaparecidos há sete meses

RJ: Polícia procura três garotos desaparecidos há sete meses

DHBF (Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense) utilizou cães para fazer varredura na comunidade do Castelar

Equipes da DHBF (Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense) foram apurar uma denúncia relacionada aos três meninos desaparecidos em Belford Roxo e realizaram buscas na comunidade do Castelar nesta segunda-feira (26).

Polícia procura três garotos desaparecidos há sete meses

Polícia procura três garotos desaparecidos há sete meses

Reprodução/Record TV Rio

As equipes utilizaram cachorros do Corpo de Bombeiros para fazer as buscas em uma área aberta da comunidade na Baixada Fluminense.

As informações foram apuradas pela Record TV Rio.

O caso

Nesta terça-feira (28). o caso vai completar sete meses.

Lucas Manhães da Silva, de 9 anos, Alexandre Silva, de 11 anos e Fernando Henrique Soares, de 12 anos, foram vistos pela última vez no dia 27 de dezembro de 2020, em uma feira no bairro de Areia Branca próximo ao bairro Castelar, onde as crianças moram

Há suspeitas de que os garotos tenham sido vítimas do chamado "tribunal do tráfico" e assassinados a mando dos criminosos da comunidade Castelar, por terem descumprido uma ordem. Entretanto, não há nada de concreto que comprove esta hipótese, segundo a polícia.

Em 10 de março, o MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) encontrou imagens que mostram os três meninos andando por uma rua de um bairro vizinho à Castelar, no dia do desaparecimento. Segundo as investigações, os meninos podem ter sido capturados momentos depois da gravação.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Celso Fonseca

Últimas