Rio de Janeiro Sirenes para alerta de chuvas são acionadas no Rio de Janeiro

Sirenes para alerta de chuvas são acionadas no Rio de Janeiro

Defesa Civil avisou aos moradores das zona sul e oeste sobre riscos do temporal logo após o município entrar em estágio de atenção

  • Rio de Janeiro | Bruna Oliveira, do R7

Ao menos dez sirenes em sete comunidades foram acionadas durante o temporal que atingiu o Rio de Janeiro no final da noite de domingo (25) e a manhã desta segunda-feira (26). Os alertas foram feitos pela Defesa Civil aos moradores das zona sul e oeste logo após o município entrar em estágio de atenção

A comunidade do Barão, na Praça Seca, além das regiões de Ignácio Dias, na Freguesia, e comandante Luiz Souto, no Tanque, receberam alertas por volta das 23h30, devido ao volume de chuva acima dos 60 mm.

Chuva provoca alagamentos e deslizamento no Rio de Janeiro

Na zona sul, por volta das 6h30, sirenes das comunidades dos Cabritos, no Leme, e Chapéu Mangueira e Babilônia também tocaram em razão do volume de água superior aos 55 mm. 

"O órgão foi acionado para 18 chamados de solicitação de vistoria. Sete deles, emergenciais por conta de deslizamentos e desabamentos. Ao todo, 290 mil cadastrados no sistema de aviso por SMS receberam alerta às 23h", informou a Defesa Civil por meio de nota. 

O COR (Centro de Operações da Prefeitura do Rio) informou, às 10h30, que equipes da prefeitura trabalhavam nos seguintes pontos de alagamento:

- Zona sul:

Autoestrada Lagoa-Barra, altura da passarela da Rocinha

Fonte da Saudade, no bairro da Lagoa

- Zona norte

Região da Muzema, no Itanhangá

- Zona oeste

Na Curica, rua Joviania, altura da r. Areca.

Últimas