TCE-RJ rejeita contas do governo Witzel de 2019

Documento cita ao menos sete irregularidades; entre elas está a destinação de recursos para áreas como Saúde e Educação

  • Rio de Janeiro | Raíza Chaves, do R7*

Foram encontradas irregularidades nas contas do ano de 2019

Foram encontradas irregularidades nas contas do ano de 2019

Reprodução/RecordTV Rio

O TCE-RJ (Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro) rejeitou em um parecer prévio as contas de 2019 do governo de Wilson Witzel nesta segunda-feira (1º).

Veja também: Familiares do menino João Pedro prestam depoimento ao MP-RJ

A decisão foi unânime entre os cinco integrantes do Corpo Deliberativo da Corte de Contas. 

Ao menos sete irregularidades foram apontadas no relatório do TCE-RJ. Entre elas estão o não cumprimento da destinação correta de recursos para áreas como Saúde e Educação e a não adequação das despesas custeadas com recursos do Fundo de Combate à Pobreza e as Desigualdades Sociais.

Em nota, o governo disse que "apesar da reprovação das contas, o governo do Estado do Rio conseguiu derrubar quatro das onze irregularidades" apontadas pelo TCE-RJ durante a sessão especial que julgou as contas de 2019, o que foi visto como uma "vitória". 

Agora, o documento seguirá para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro). A Comissão de Orçamento ficará reponsável por analisar e emitir um parecer final, podendo levar as contas para votação em plenário como um decreto legislativo. 

*Sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas