Rio de Janeiro TRF-2 analisa pedido de liberdade de ex-presidente do Paraguai 

TRF-2 analisa pedido de liberdade de ex-presidente do Paraguai 

Investigado na Operação Patrón, Horacio Cartes teve a prisão decretada pela Justiça Federal por financiar doleiro Dario Messer

  • Rio de Janeiro | Bruna Oliveira, do R7

Cartes é suspeito de proteger doleiro Dario Messer

Cartes é suspeito de proteger doleiro Dario Messer

Record TV

O TRF2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região) confirmou, nesta quinta-feira (21), que o desembargador federal Abel Gomes analisa três pedidos de liberdade de investigados da Operação Patrón. Entre eles está o ex-presidente e atual senador do Paraguai, Horacio Cartes.

Na última terça (19), a Justiça Federal decretou a prisão de Cartes e mais 19 pessoas na ação da Polícia Federal com o Mistério Público Federal. 

Segundo as investigações, o ex-presidente do Paraguai financiou o doleiro Dario Messer, acusado de lavagem de dinheiro, após a fuga dele do Brasil, em 2018, dando mais de 500 mil dólares para custear as despesas do foragido naquele país.

Os procuradores da República afirmaram ainda que os dois tinham uma relação muito próxima e se tratavam como "irmãos de alma".

Após a operação, a PF pediu a inclusão de Horacio Cartes na lista de procurados da Interpol. 

Últimas