Uerj anuncia pagamento de auxílio emergencial para alunos cotistas

Medida tem como objetivo a inclusão digital e a compra de material para possíveis aulas remotas; bolsa de R$600 será paga em setembro

Bolsa de R$600 será paga em setembro

Bolsa de R$600 será paga em setembro

Divulgação/Uerj

A Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) anunciou o pagamento de um auxílio emergencial para os estudantes cotistas. A instituição vai disponibilizar uma parcela única de R$600 em setembro para ajudar na inclusão digital e compra de material didático, caso seja aprovada a adoção das aulas remotas.

Rio inicia nova fase de reabertura e libera volta de pontos turísticos

As atividades acadêmicas estão suspensas desde o dia 16 de março, por conta da pandemia do coronavírus. Segundo a universidade, não há previsão do retorno presencial e os alunos não podem ficar sem aulas por um longo período de tempo. 

Ainda de acordo com a Uerj, a reitoria já entrou com um pedido para adotar o ensino remoto, mas cabe a cada unidade acadêmica definir o melhor planejamento. Também será encaminhado para o Conselho Universitário uma proposta em relação a condição de trabalho dos professores nesse possível cenário.

Kit internet

No início de julho, a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) aprovou um calendário letivo remoto para os alunos da graduação e pós-graduação. As aulas começaram na última segunda-feira (13) e são de caráter opcional.

Para isso, a universidade distribuiu 13 mil kits internet para os estudantes com renda de até um salário mínimo e meio.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Ingrid Alfaya