Dois suspeitos de tentar assaltar policial em bloco de SP são presos

Confusão começou quando seis pessoas abordaram um policial para roubar três correntes e um óculos. Caso foi encaminhado ao 27º DP

Tentativa de assalto em bloco de rua na Berrini deixa seis pessoas feridas

Tentativa de assalto em bloco de rua na Berrini deixa seis pessoas feridas

Zanone Fraissat/Folhapress

Dois homens de 19 anos foram presos suspeitos de tentar roubar um policial civil na tarde do domingo (16), em um bloco carnavalesco na região da avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini, na zona sul de São Paulo.

Leia mais: Cinco pessoas são baleadas em passagem de bloco na zona sul

A confusão começou quando um grupo com seis pessoas abordou o policial civil em uma tentativa de roubar um de seus pertences. Quando a vítima se identificou, um dos suspeitos teria atirado contra o policial, que reagiu e entrou em conflito contra parte do grupo.

No total, cinco pessoas ficaram feridas na ação e foram socorridas e levadas a hospitais da região. Um segundo suspeito foi detido e levado ao 27º DP. A corregedoria da instituição acompanha a investigação que ocorre pelo 96º DP.

Entre os feridos, uma mulher permanece internada no pronto socorro do Hospital das Clínicas, com estado de saúde estável. Um homem e uma mulher receberam alta na noite do domingo após passarem pela Santa Casa de Santo Amaro.

Leia mais: Primeiro dia de Carnaval tem 125 blocos e gera 80 toneladas de lixo

No mesmo hospital, um homem permanece internado na enfermaria, segundo o setor de emergências da Santa Casa. Já no Hospital Municipal Campo Limpo, um suspeito permanece internado sob escolta policial na manhã desta segunda-feira (17). 

O caso

De acordo com o boletim de ocorrência, dois homens, ambos de 19 anos, foram presos após roubar um policial civil, na tarde do domingo (16), no Itaim Bibi, zona oeste.

O agente passava pela região em direção a casa de um amigo quando foi abordado por seis pessoas teriam tentado roubar três correntes e os óculos escuros que usava. No momento em que o grupo tentava pegar a carteira e outros pertences, a vítima anunciou que era policial.

Ainda segundo o boletim de ocorrência, um dos suspeitos se movimentou em direção a cintura do agente e teria avisado os colegas. Outro homem, ainda não identificado, sacou uma arma de fogo e atirou em direção à vítima, que fez um disparo em defesa.

Os suspeitos tentaram tirar o revólver do policial, que fez mais dois disparos. Um dos suspeitos foi ferido e contido pelo agente. Os demais fugiram.

Cinco pessoas foram feridas, entre elas, o suspeito, duas mulheres, de 25 e 26 anos, um homem, de 32, e outro, 19, foram socorridas para a Santa Casa de Santo Amaro, Hospital de Campo Limpo e Hospital das Clínicas. Entre os feridos, um deles foi reconhecido pelo policial como um dos envolvidos no crime e encaminhado ao 27º DP, no Campo Belo.

A perícia e o exame residuográfico foram solicitados para a dupla e o agente, que teve a arma apreendida. O caso foi registrado como roubo, resistência e lesão corporal.