Guardas humilhados em abordagem recebem homenagem em Santos

Na tarde de domingo, por meio de redes sociais, a prefeitura já havia emitido uma nota de repúdio à atitude de Eduardo Siqueira, e apoiou GCMs

Guardas foram homenageados junto de suas famílias

Guardas foram homenageados junto de suas famílias

Divulgação/Prefeitura de Santos

Os guardas municipais Cícero Hilário Roza Neto e Roberto Guilhermino da Silva, ofendidos durante abordagem ao desembargador Eduardo Almeida Prado Rocha Siqueira, que os humilhou enquanto eles tentavam adverti-lo sobre o uso de máscara de proteção ao novo coronavírus, foram homenageados na tarde desta segunda-feira (20), em Santos (SP). Hilário e Guilhermino receberam, da prefeitura, medalhas com a inscrição “Homenagem da Cidade de Santos”.

“Quando cheguei em casa, depois do ocorrido, estava chateado. Minha esposa tinha visto o vídeo, minha filha estava triste com o tratamento que recebi. Depois da repercussão, começaram a mandar mensagens de apoio e o sentimento mudou. A gente vê que uma postura nossa gerou admiração, nosso trabalho foi reconhecido e isso trouxe orgulho para minha família“, contou Cícero Roza durante a homenagem, que ocorreu no Salão Nobre do Palácio José Bonifácio, cmo a participação de Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), prefeito de Santos.

Os agentes foram homenageados pelos "relevantes serviços prestados à sociedade durante ocorrência que ganhou repercussão nacional", como informou anteriormente a gestão municipal.

Roberto da Silva destacou a importância dos cuidados e respeito às recomendações de saúde durante a pandemia do novo coronavírus. “Embora toda a situação constrangedora que a gente sofreu tenha causado chateação, só temos a agradecer todo o apoio de todo povo brasileiro. O recado que deixo é: um ato tão simples, que é o de utilizar máscaras, pode salvar vidas. E isso depende de cada um de nós”, comentou.

Já na tarde de domingo, por meio de redes sociais, a prefeitura havia emitido uma nota de repúdio à atitude de Eduardo Siqueira, demonstrando apoio aos dois guardas municipais.