São Paulo Jovem morre baleado pelo namorado da própria mãe em SP

Jovem morre baleado pelo namorado da própria mãe em SP

Depois do crime em Osasco (SP), atirador teria fugido junto com a mãe da vítima, de acordo com vizinho do local. Jovem será enterrado nesta quarta (28)

  • São Paulo | Isabelle Gandolphi, da Agência Record

Vista da Rua Rosa Branca, no bairro de Rochdale, onde jovem foi morto

Vista da Rua Rosa Branca, no bairro de Rochdale, onde jovem foi morto

Reprodução/ Google Maps

O jovem Pablo Henrique Félix da Silva, de 22 anos, morreu na manhã desta terça-feira (27), após ser baleado pelo companheiro da própria mãe, em Osasco, na Grande São Paulo. Pablo estava internado no Hospital das Clínicas desde sábado (24), quando ocorreu o crime.

O jovem passou por cirurgia no domingo (25), mas não resistiu aos ferimentos e morreu nesta manhã. O velório e sepultamento devem ocorrer na quarta-feira (28).

O crime aconteceu por volta das 23h na rua Rosa Branca, no bairro Rochdale, depois de uma discussão entre os dois. De acordo com um vizinho da família, o namorado da mãe de Pablo teria ido embora depois da briga e voltado ao local armado.

Em imagens de circuito de segurança é possível ver a aproximação do criminoso, que chega disparando. As câmeras também mostraram duas pessoas conversando em frente à casa da mãe de Pablo, no momento em que o homem chega atirando. Uma das pessoas foge e a outra, Pablo, entra na garagem.

O homem força a entrada, mas não consegue. Em certo momento, Pablo abre o portão e o agressor entra. Wesley afirmou que, nesse momento o jovem foi atingido.

As imagens ainda mostram o atirador saindo da garagem e indo de encontro à mãe do jovem, que entra na casa. O criminoso aparece guardando a arma na cintura e fugindo a pé.

Ainda segundo o vizinho da vítima, o atirador possui um carro Fiat Palio, no qual teria fugido junto com a companheira. Segundo o vizinho, a mulher tem outros dois filhos mais novos, de 12 e 8 anos, que moram com a avó.

O caso foi registrado no 10° DP de Osasco.

Últimas