São Paulo Ladrão armado invade escola e provoca correria de alunos em SP

Ladrão armado invade escola e provoca correria de alunos em SP

Primeiro alvo do criminoso foi uma UBS na zona norte, onde roubou celulares. Depois, ele assaltou funcionários em escola

  • São Paulo | Letícia Dauer, da Agência Record

Criminoso em escola provocou correria de alunos

Criminoso em escola provocou correria de alunos

Reprodução

Um homem armado assaltou uma UBS (Unidade Básica de Saúde) e uma escola municipal na Brasilândia, zona norte de São Paulo, na manhã desta sexta-feira (12).

O primeiro alvo do suspeito foi a UBS Teresinha, onde o criminoso roubou celulares de pacientes e de uma enfermeira. Em seguida, o homem invadiu a escola municipal André Rodrigues de Alckmin, na rua Marcelino José de Freitas, que fica a menos de 500 metros do local do primeiro assalto.

Câmeras de segurança instaladas no interior da escola registraram parte da ação do suspeito. Ele entrou em algumas salas para roubar os funcionários, ameaçando as vítimas com uma arma de fogo. Em uma das imagens, em um corredor da instituição, assustados, os alunos aparecem correndo.

De acordo com a 2ª Companhia do 18° Batalhão, que atendeu à ocorrência, o assaltante fugiu a pé com os aparelhos. Durante os crimes, ele vestia um blusão preto com capuz, além de um boné branco, para atrapalhar sua identificação. Até o momento, ele não foi localizado.

Em nota, a Prefeitura de São Paulo, por meio da SME (Secretaria Municipal de Educação), informa que um boletim de ocorrência será registrado. Ninguém foi ferido durante o ocorrido. Além disso, a DRE (Diretoria Regional de Educação) acionou o Naapa (Núcleo de Apoio e Acompanhamento para a Aprendizagem), para prestar o apoio necessário aos estudantes e responsáveis da unidade. Já a Guarda Civil Metropolitana reforçará o patrulhamento realizado com as rondas periódicas.

Últimas