Ladrões fazem arrastão em prédio de luxo de SP durante o réveillon

Criminosos teriam usado controle clonado para ter acesso à garagem, renderam porteiro e invadiram três apartamentos, levando joias e cartões

Edifício alvo de arrastão em Moema, na Zona Sul de SP

Edifício alvo de arrastão em Moema, na Zona Sul de SP

Reprodução/Google Street View

Pelo menos seis criminosos fizeram um arrastão em um prédio de luxo na Avenida Aratãs, em Moema, na Zona Sul de São Paulo, na noite de réveillón. Eles entraram em três apartamentos e roubaram joias, cartões e outros pertences de moradores. O caso foi revelado pelo jornal "Agora São Paulo".

Os criminosos chegaram ao edifício bem perto da hora da virada, às 23h40 de terça-feira (31), dentro de um veículo Fiat Idea. Usando um controle remoto, possivelmente clonado, conseguiram acesso à garagem.

Em seguida, renderam o porteiro e uma moradora que também se encontrava na entrada do edifício. Eles foram mantidos reféns na garagem enquanto outros criminosos do bando invadiam os apartamentos. 

Vizinhos notaram e movimentação e chamaram a polícia. Os bandidos conseguiram fugir e ninguém foi preso. 

Uma das vítimas, uma dentista de 31 anos, estava viajando e foi informada por uma vizinha que ao menos seis pessoas, ainda não identificadas, entraram em seu imóvel e roubaram seus pertences, segundo informações do boletim de ocorrência fornecidas pela Secretaria da Segurança Pública.

Leia mais: Morador ajuda ladrões a invadirem prédio de luxo em São Paulo

O caso foi registrado como furto qualificado no 27º DP. A polícia busca imagens e outras informações que possam levar aos criminosos.

O edifício fica entre as avenidas Rubem Berta e Ibirapuera. Os apartamentos de 100 metros quadros estão avaliados em cerca de R$ 1 milhão cada.

Vila Mariana

O arrastão de Moema foi o segundo em poucos dias no final do ano. No domingo (29), criminosos entraram em um prédio na Vila Mariana e roubaram cinco apartamentos, levando cartões, joias e dinheiro.