São Paulo MCs organizam futebol para ajudar vítimas da chuva no litoral paulista

MCs organizam futebol para ajudar vítimas da chuva no litoral paulista

Artistas da Baixada Santista se organizam para levar doações às vítimas da tragédia. Até a tarde desta sexta-feira (6), foram constatadas 32 mortes

  • São Paulo | Do R7

MCs organizam evento beneficente no litoral

MCs organizam evento beneficente no litoral

Divulgação

Dezenas de MCs e DJs da Baixada Santista estão organizando uma partida de futebol beneficente para arrecadar alimentos que serão destinados às vítimas de enchentes que atingiram a região após fortes chuvas na última terça-feira (3).

Está previsto para participar do evento nomes históricos do funk paulista, como os MCs Amaral, Kauan, Keké, Léo da Baixada e Dinho da VP, além de DJ Puffe, entre outros. O jogo está marcado para a próxima segunda-feira (9), às 20h, no Parque Bitaru, em São Vicente.

Para assistir à partida, é necessário contribuir com um quilo de alimento não perecível que será entregue para as famílias vítimas. 

De acordo com a Defesa Civil do Estado de São Paulo, até a tarde desta sexta-feira (6) foram constatadas 32 mortes e 47 pessoas seguem desaparecidas.

Leia também: Abril trágico: mortes de 6 funkeiros paulistas seguem sem solução

O município mais atingido foi Guarujá, com 26 mortes e 42 desaparecidos. Em Santos morreram quatro pessoas e os bombeiros ainda estão em busca de outras quatro. São Vicente teve duas mortes e uma pessoa ainda não foi localizada.

O número atual de desabrigados, ainda de acordo com a Defesa Civil, é de 249 em Guarujá e 185 em Santos.

A ideia de promover o evento solidário surgiu da DJ Lu Beatz e do criador de vídeos Douglinhas Filmes, que convidaram o MC Amaral e outros cantores de funk para compartilhar a ideia com artistas da região. “De imediato, vários MCs da baixada, São Paulo e Rio de Janeiro abraçaram a causa e já estão confirmados”, disse MC Amaral.

O cantor, que nasceu em Santos e tem como base de toda sua carreira a cidade do litoral paulista, afirma que “foi uma grande tristeza para todos essa tragédia e, por isso, os artistas estão tentando ajudar de alguma forma”.

Últimas