Moradores do Jardim Pantanal tentam salvar móveis após temporal

Chuvas desta quarta-feira (8) atingiram com mais força a região leste da Grande São Paulo, onde fica localizado o bairro na capital paulista 

Garotos foram flagrados nadando no local buscando por 
móveis

Garotos foram flagrados nadando no local buscando por móveis

Reprodução/ Record TV

Depois das fortes tempestades que atingiram a Grande São Paulo nesta quarta-feira (8), a cidade registrou cenas de caos, em especial no leste da metrópole, parte mais afetada pelas chuvas. Nesta região está localizado o Jardim Pantanal, onde imagens ao vivo da Record TV mostraram moradores do local se arriscando em alagamentos para recuperar móveis, nas margens do Rio Tietê. 

Com a água até o pescoço, garotos foram flagrados procurando por objetos espalhados na água para recuperá-los. As imagens mostraram três pessoas trabalhando juntas, com o auxílio de uma corda, nadando na água que transbordou do rio por causa do temporal. Eles foram gravados recuperando portas e cadeiras espalhados na água. 

Leia mais: A rotina de doenças, infecções e água entrando pela casa em área alagada há mais de um mês em SP 

O contato direto com as águas de sujas de enchentes e inundações pode trazer uma série de doenças, como a leptospirose, dengue e hepatite.

Caos em SP

O Corpo de Bombeiros registrou 89 chamados para quedas de árvores, 36 para desabamentos e 118 para inundações.

Uma agência bancária de Ferraz de Vansconcelos ficou tomada pelas águas. Na mesma região uma pessoa que desapareceu durante a chuva foi localizada sem vida dentro da área de uma empresa atingida pelas águas.

Outro vídeo flagrou uma UBS na capital paulista alagada pela chuva, depois que o teto do recinto não resistiu ao temporal. No município de Mogi das Cruzes, as principais vias da cidade foram alagadas, com ônibus paralisados e carros completamente submersos pela altura das águas.