São Paulo Por demandas, entregadores de SP debatem com presidente da Câmara

Por demandas, entregadores de SP debatem com presidente da Câmara

Um dos focos da conversa entre Tuma e manifestantes foi a tramitação do PL 578/2019, que define responsabilidades às empresas de aplicativo

  • São Paulo | Do R7

Entregadores de aplicativo se manifestam nesta terça-feira (14)

Entregadores de aplicativo se manifestam nesta terça-feira (14)

Zanone Fraissat/Folhapress - 14.07.2020

Entregadores de aplicativos e o presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Eduardo Tuma (PSDB) conversaram durante a tarde desta terça-feira (14), em frente à Câmara, para ouvir as demandas dos profissionais, que paralisaram suas atividades hoje em ato sindicalizado.

Um dos focos da conversa entre Tuma e os manifestantes foi a tramitação do PL 578/2019, que define responsabilidades para as empresas de aplicativo que contratam motociclistas e ‘bikers’ para realizar as entregas.

Veja também: Entregadores de SP pedem direitos a apps após amputação por acidentes

O projeto de lei prevê pagamento de adicional de periculosidade e responsabilidade solidária em caso de acidentes com o trabalhador.

Em novo ato, entregadores ocupam ruas de São Paulo nesta terça. Veja fotos

Últimas