São Paulo Queda de helicóptero deixa mortos em Bertioga

Queda de helicóptero deixa mortos em Bertioga

De acordo com a PM e o Corpo de Bombeiros, ao menos cinco pessoas morreram

  • São Paulo | André Carvalho, da Agência Record

Pelo menos cinco pessoas morreram após a queda de um helicóptero, em Bertioga, litoral norte de São Paulo, na manhã deste sábado (27). A informação foi confirmada pela Polícia Militar e pelo Corpo de Bombeiros de Bertioga.

As vítimas são: um casal e a filha de dois anos, o piloto e uma mulher ainda não identificada. O helicóptero modelo Esquilo, prefixo PT-HNC, tinha capacidade para cinco pessoas e decolou do Campo de Marte, na capital, apenas com o piloto, e pousou em um condomínio particular no Guarujá.

As outras quatro pessoas embarcaram e, na volta para São Paulo, aconteceu o acidente. A aeronave, de propriedade da empresa de táxi aéreo Helimarte, caiu em uma área de mangue, por volta das 10h, em frente à Marina Nacional, no fim da rua Náutica, no bairro Sítio São João, nas proximidades do km 229, da rodovia Rio-Santos. Segundo o Corpo de Bombeiros, após a queda da aeronave, houve uma explosão. 

Além do Corpo de Bombeiros, homens da Polícia Militar e Civil já estão no local. A área está isolada para realização da perícia. As causas do acidente são desconhecidas. Uma equipe do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) também deve se dirigir para o local do acidente. 

Leia mais notícias de São Paulo

Últimas