São Paulo SP: 160 carneiros e cabras são resgatados em caminhão ilegal

SP: 160 carneiros e cabras são resgatados em caminhão ilegal

Alguns dos animais, que ficaram mais de 29 horas sem acesso à alimentação e água, morreram no veículo que terminava viagem desde a Bahia

Cerca de 160 carneiros e cabras foram vítimas de maus-tratos

Cerca de 160 carneiros e cabras foram vítimas de maus-tratos

Divulgação/ Polícia Ambiental

Cerca de 160 carneiros e cabras vítimas de maus-tratos foram resgatados de dentro de um caminhão de pau-de-arara, na manhã desta quarta-feira (11), em São Paulo. Eles estavam dentro do que passava por Itaquera, zona leste, em condições extremamente precárias, confinados em um espaço reduzido e sem ventilação.

Leia mais: São Paulo tem umidade abaixo de 20% e recorde de calor no inverno

Os caprinos, que seriam comercializados, ficaram mais de 29 horas sem acesso à alimentação e água. Além disso, foi constatada a morte de alguns animais no caminhão, que vinha da Bahia.

Depois que uma denúncia acionou o Instituto Eu Sou o Bicho, os animais foram resgatados com o auxílio da Polícia Ambiental.

Os dois homens responsáveis pelo transporte estavam com a GTA (Guia de Trânsito Animal) vencida. O documento é uma exigência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para o transporte de animais no Brasil, que deve informar o destino, as condições sanitárias e a finalidade.

À polícia, a dupla também contou que já realizou o trajeto várias vezes, inclusive com mais de 400 cabritos. 

O Instituto Eu Sou o Bicho encaminhará os animais a um sítio da ONG, localizado em Cajamar, na região metropolitana de São Paulo. No local, eles irão passar por triagem, atendimento veterinário e serão alimentados.

Após emissão do laudo sobre as condições dos animais pela ONG, serão divulgados a quantidade exata de caprinos e o valor da multa. O caso foi registrado no Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania, na Avenida São João, número 1.247, na República, região central de São Paulo.