São Paulo Vídeo mostra fim de perseguição a motorista morto na Grande SP

Vídeo mostra fim de perseguição a motorista morto na Grande SP

Motorista de APP tentou fugir de abordagem por estar com documentação atrasada. Cinco GCMs de São Bernardo do Campo e um PM foram presos

  • São Paulo | Kaique Dalapola, do R7

Motorista foi morto pela GCM e PM

Motorista foi morto pela GCM e PM

Arquivo pessoal

Imagens de câmera de segurança mostram o fim da perseguição de policiais militares e GCMs (guardas civis municipal) de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, que terminou na morte do motorista de aplicativo Flávio Santos de Amorim, de 31 anos, na manhã do último sábado (12).

De acordo com a versão policial, o motorista fugiu da abordagem da GCM, atropelou um motociclista e fez menção de atropelar agentes de segurança. Segundo a família de Flávio, ele tentou fugir da abordagem por estar com a documentação atrasada e ficar com medo de perder o veículo.

Durante a fuga, os agentes de segurança atiraram contra o motorista. Por causa disso, cinco guardas e um policial militar foram presos em flagrante e o caso foi registrado como homicídio simples, morte decorrente de intervenção policial, resistência e fuga de local de acidente.

Segundo o registro da ocorrência, Flávio parou o carro no beco após bater o veículo. Ele já estaria ferido e os agentes cercaram o veículo e forçaram pela abertura da porta. Mesmo ferido, o motorista teria negado se render. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, e constatou óbito no local.

Últimas