Saúde Vírus da Covid-19 causa quadro semelhante à diabetes em pacientes hospitalizados

Vírus da Covid-19 causa quadro semelhante à diabetes em pacientes hospitalizados

Pesquisa divulgada pela Fapesp perceberam hiperglicemias independente do histórico de diabetes

Agência EFE
Hiperglicemias estariam associadas à piora do quadro de Covid-19

Hiperglicemias estariam associadas à piora do quadro de Covid-19

Freepik/wirestock - 04.04.2023

O SARS-Cov-2, vírus causador da Covid-19, pode infectar células do fígado e causar quadro semelhante ao diabetes em pacientes hospitalizados, mesmo que antes não apresentassem alterações nos níveis de glicose no sangue, segundo estudo divulgado nesta terça-feira (16) no Brasil.

Pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) perceberam que os altos níveis de açúcar presentes no sangue (hiperglicemia), frequente em pacientes hospitalizados por Covid-19, ocorre independientemente de histórico de diabetes e se associa com um pior resultado clínico, podendo levar à morte.

O estudo, publicado na revista PNAS (Proceedings of the National Academy of Sciences) e divulgado pela Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), revela parte do mecanismo utilizado pelo vírus para infectar as células do fígado (hepatócitos) e mostra caminhos para tratamentos capazes de prevenir o agravamento do quadro clínico desses pacientes.

As descobertas sugerem que a entrada do vírus nas células do fígado é parcialmente mediada pela cooperação entre os receptores GRP78 e ACE2 (proteínas).

Compartilhe esta notícia no Whatsapp
Compartilhe esta notícia no Telegram

Segundo as investigações, este último receptor está presente “nos hepatócitos humanos com uma isoforma diferente, de baixo peso molecular, e é aquele que o SARS-CoV-2 se liga para permitir a infecção”.

Esse dado é uma das novidades encontradas com a pesquisa, já que trabalhos anteriores indicavam que a proteína ACE2 não aparecia nas células do fígado.

"Identificar a ligação com os receptores GRP78 e ACE2 foi meio que a cereja do bolo do nosso trabalho. Mas a grande descoberta foi mostrar que o SARS-CoV-2 é uma causa direta de hiperglicemia, independente do uso de corticosteroides, o estresse causado pela internação, peso corporal e se a pessoa é diabética ou não", afirma Luiz Osorio Silveira, autor do artigo, citado em nota.

Últimas