Rússia x Ucrânia

Tecnologia e Ciência Anonymous diz ter invadido câmeras de segurança do governo russo

Anonymous diz ter invadido câmeras de segurança do governo russo

Grupo de hackers anunciou no início da guerra entre Rússia e Ucrânia que iria enfrentar o Kremlin no campo virtual

Imagem mostra diversas câmeras de segurança que estariam instaladas no Kremlin

Imagem mostra diversas câmeras de segurança que estariam instaladas no Kremlin

Reprodução Twitter/Anonymous TV

O grupo hacker Anonymous afirmou nesta quarta-feira (6) que conseguiu acessar o circuito interno de câmeras do Kremlin, sede do governo da Rússia, em Moscou.

Segundo o perfil no Twitter Anonymous TV, hackers de um grupo aliado chamado The Black Rabbit World podem acessar diferentes câmeras do complexo do governo russo. Em imagens divulgadas nas redes sociais, é possível ver uma série de salas de conferência que supostamente seriam no Kremlin.

“Nós não vamos parar antes de revelar todos os seus segredos. Vocês não serão capazes de nos parar. Agora estamos dentro do seu castelo, o Kremlin”, tuitou o Anonymous TV.

O vídeo mostra várias salas de diferentes estilos com reuniões em andamento. A bandeira da Rússia, inclusive, é vista em diversos momentos da gravação divulgada, com cerca de 1 minuto de duração.

No início da invasão russa, o Anonymous declarou que travaria uma “guerra cibernética” contra a Rússia. Os hackers exigem que Vladimir Putin retire as tropas da Ucrânia.

Por outro lado, a Rússia conta com uma das principais escolas de hackers do mundo. O país, inclusive, é lar de famosos grupos de ransomware — cibercriminosos que sequestram sistemas em troca de recompensa financeira.

Últimas