Tecnologia e Ciência Qual o melhor mictório para evitar respingos irritantes? Cientistas descobriram

Qual o melhor mictório para evitar respingos irritantes? Cientistas descobriram

Pesquisadores canadenses descobriram o ângulo correto para urinar em um mictório e o melhor design do dispositivo

Resumindo a Notícia

  • Engenheiros de fluidos descobriram o melhor design de mictório para evitar respingos
  • Os pesquisadores levaram em conta diversas alturas de usuários e forças de jatos
  • Eles ainda descobriram o ângulo ideal para urinar no dispositivo
  • Segundo a equipe, o design de mictórios melhorou muito pouco desde que foi inventado
Qual desses se parece o melhor?

Qual desses se parece o melhor?

Mia Shi/Universidade de Waterloo (Sob Licença Creative Commons)

Qual o melhor mictório para evitar os tão irritantes respingos em banheiros masculinos? Um grupo de pesquisadores da Universidade de Waterloo, no Canadá, se reuniu para responder justamente essa tão importante questão de higiene.

A ideia partiu de Zhao Pan, professor de engenharia de fluidos e principal responsável pela pesquisa. Em entrevista à revista New Scientist, ele revelou que o ponto de partida da pesquisa foi justamente tentar impedir que usuários de mictórios terminassem respingados de urina.

"Ninguém gosta de fazer xixi em todos os lugares, então por que não criar um mictório onde respingos são extremamente improváveis?!", completou Zhao.

O engenheiro e a equipe dele constataram que o design dos mictórios "não melhorou na América do Norte", desde que o dispositivo foi criado, há mais de 100 anos. Eles também levaram em conta ideias para economizar água, reduzir gastos com produtos químicos e ainda economizar trabalho humano.

Parece uma missão difícil pra uma pesquisa só, mas os cientistas não desistiram.

Ângulo certo

A primeira coisa estabelecida pela pesquisa é o ângulo ideal para despejar o jato de xixi no mictório. A resposta é 30 graus.

Urinar em um ângulo maior (o que quer dizer, em um jato excessivamente curvo em relação ao mictório) resulta em mais respingos, e deixa tudo mais caóticos e complicados, revela Zhao.

Uma mostra de como a natureza funciona bem, é o fato de que cães sempre urinam em ângulos menores do que esse, e quase nunca saem respingados.

LEIA TAMBÉM: Estudo revela como morcegos-vampiros sobrevivem com uma dieta de sangue

A segunda etapa foi usar jatos de líquidos de cores diferentes para estabelecer como cinco design de mictórios (na foto de abertura da matéria) deixam padrões diferentes de respingos. Além disso, a equipe utilizou velocidades e ângulos diferentes para chegar a um design que absorvesse os problemas dos xixis mais descuidados.

O melhor deles (o quarto, da esquerda para a direita, na foto de abertura) possui um design similar a uma letra J e abertura estreita e curva, o que obriga usuários a ficarem nos ângulos corretos para fazer a necessidade.

Os resultados estabeleceram que esse modelo gera nenhuma ou quase nenhuma gota, em todas as situações testadas. Lembre-se disso ao entrar em um banheiro.

O ano de 2022 foi cheio de pesquisas científicas fascinantes; relembre as melhores

Últimas