Brasil Frio fica mais intenso e congela lagos e árvores em cidades do Sul

Frio fica mais intenso e congela lagos e árvores em cidades do Sul

São Joaquim e Bom Jardim da Serra, em Santa Catarina, e General Carneiro, no Paraná, tiveram temperaturas entre -3°C e -3,9°C

  • Brasil | Do R7

Árvore ficou coberta de gelo em São Joaquim (SC), que teve temperaturas de -3,9ºC

Árvore ficou coberta de gelo em São Joaquim (SC), que teve temperaturas de -3,9ºC

Mycchel Legnaghi / São Joaquim Online

Uma massa de ar frio de origem polar derrubou as temperaturas no fim de semana. A frente fria, que se espalhou primeiro pela região Sul do Brasil, deixou várias cidades com a paisagem bem diferente, devido à geada, ao congelamento de lagos e açudes e ao gelo, que cobriu árvores e gramados.

Nas serras catarinense e gaúcha e em algumas localidades do Paraná, as temperaturas ficaram em torno de -3ºC. No domingo (12), o frio foi mais intenso em São Joaquim, em Santa Catarina, e em General Carneiro, no Paraná, onde os termômetros marcaram -3,9°C. Em Bom Jardim da Serra (SC), o menor registro foi de -3°C.

Galho de árvore coberto de gelo, em São Joaquim

Galho de árvore coberto de gelo, em São Joaquim

Mycchel Legnaghi / São Joaquim Online

No sábado (11), as cidades com as temperaturas mais baixas foram São Joaquim (SC), com -3.9ºC, São José dos Ausentes (RS), com -3.6ºC, e Bom Jardim da Serra  (SC), com -3.0ºC.

As informações são do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

Em São Paulo, o domingo começou gelado, um pouco acima dos 8ºC, chegando a 17ºC durante a tarde.

Sudeste

Na madrugada desta segunda (13), a massa polar deve baixar ainda mais as temperaturas na região Sudeste, com previsão de mínima na casa dos 7°C, no início da manhã, na capital paulista, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas), da Prefeitura de São Paulo.

O frio será mais intenso nas regiões periféricas e próximas do extremo sul da cidade. Mesmo com sol e poucas nuvens, as temperaturas máximas não devem superar os 16°C ao longo dia. 

A madrugada da terça-feira (14) também será gelada em São Paulo, com temperatura média de 10°C e ventos potencializando a sensação de frio. O sol continua a predominar durante o dia, mas as máximas não devem passar dos 16°C, informa o CGE. A previsão do órgão é que o frio comece a diminuir na quinta-feira (16), no feriado de Corpus Christi.

Desde a última sexta-feira (10), às 13h05, a Comdec (Coordenadoria Municipal de Defesa Civil) mantém estado de alerta para baixas temperaturas em toda a capital paulista. 

Últimas