Brasil Líderes de oito partidos assinam manifesto em favor da democracia

Líderes de oito partidos assinam manifesto em favor da democracia

No texto, dirigentes de diferentes legendas afirmam que 'confiam no sistema eleitoral brasileiro' e farão oposição a quem for contra

  • Brasil | Do R7

ACM Neto é um dos líderes partidários que assinou manifesto a favor da democracia

ACM Neto é um dos líderes partidários que assinou manifesto a favor da democracia

Divulgação/Governo do Estado da Bahia

Líderes de oito partidos assinaram um manifesto em defesa da democracia após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmar que "ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições"

Leia também: Crise na aliança: Centrão vive racha e até perfila com opositores

O texto foi assinado por ACM Neto (Democratas), Baleia Rossi (MDB), Bruno Araújo (PSDB), Eduardo Ribeiro (Novo), José Luís Penna (PV), Luciano Bivar (PSL), Paulinho da Força (Solidariedade) e Roberto Freire (Cidadania) e desta que que "a Democracia é uma das mais importantes conquistas do povo brasileiro, uma conquista  inegociável."

No manifesto, os dirigentes de diferentes legendas afirmam que "nenhuma forma de ameaça à Democracia pode ou deve ser tolerada. E não será."

"Nas últimas três décadas, assistimos a muitos embates políticos, tivemos a sempre salutar alternância de Poder, soubemos conviver com as diferenças e exercer com civilidade e responsabilidade o sagrado direito do voto."

Os líderes destacam a "total confiança no sistema eleitoral brasileiro, que é moderno, célere, seguro e auditável." Também afirmam que "vão defender de forma intransigente"o direito dos cidadãos brasileiros escolherem seus representantes e alertam que "quem se colocar contra esse direito de livre escolha do cidadão terá a nossa mais firme oposição."

Últimas