Brasília Bolsonaro deve receber príncipe saudita no Brasil em março 

Bolsonaro deve receber príncipe saudita no Brasil em março 

Segundo departamento de inteligência dos EUA, ele é apontado como mandante da morte do jornalista Jamal Khashoggi, em 2018

  • Brasília | Priscila Mendes, do R7, em Brasília

Mohamed Salman deve visitar o Brasil, em março, a convite de Bolsonaro

Mohamed Salman deve visitar o Brasil, em março, a convite de Bolsonaro

Reuters / Charles Platiau / 9.4.2018

O presidente Jair Bolsonaro deve receber, em março, o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed Bin Salman. A informação foi confirmada por fontes da área diplomática ao R7. O convidado do presidente é apontado pelo Departamento de Inteligência dos Estados Unidos como o mandante do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, que foi esquartejado por criticar o regime ditadorial do país.

 O convite formal foi feito por Bolsonaro ao príncipe Faisal bin Farhan al-Saud, em novembro de 2021, quando ele esteve no Brasil. Mas, em 2019, o presidente já tinha sofrido algumas críticas ao decidir fazer uma visita oficial à Arábia Saudita. Isso porque ele afirmou ter "afinidade" com Mohammed Salman. 

“Temos uma reunião de negócios hoje à tarde. Todo mundo gostaria de passar uma tarde com um príncipe. Especialmente vocês mulheres, né? Tenho uma certa afinidade com o príncipe, disse Bolsonaro à época.

Apesar de ser um crítico das ditaduras de esquerda, Bolsonaro acaba de retornar de viagem à Rússia e Hungria. 

Petrópolis

Na volta ao Brasil, o presidente Jair Bolsonaro lamentou a situação em Petrópolis (RJ), cidade afetada por fortes chuvas, que já deixaram ao menos 120 mortos.

Ele se solidarizou com os familiares das vítimas e disse que o governo federal presta contas "do que já foi feito e do que poderão fazer". Bolsonaro afirmou ainda que, da Rússia, acionou os ministros Rogério Marinho e Paulo Guedes (Economia).

Últimas