Brasília Com a filha, Bolsonaro participa de solenidade em colégio militar

Com a filha, Bolsonaro participa de solenidade em colégio militar

Laura Bolsonaro, 11 anos, está ingressando na instituição, segundo o presidente, por uma questão de segurança

  • Brasília | Luiz Calcagno, do R7, em Brasília

Jair Bolsonaro e a filha, Laura Bolsonaro

Jair Bolsonaro e a filha, Laura Bolsonaro

Reprodução Twitter

O presidente da República, Jair Bolsonaro, participou da solenidade de recepção dos novos alunos do Colégio Militar de Brasília na manhã deste sábado (29). O evento não estava previsto na agenda. Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada logo cedo com a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e seguiu para o colégio.

O motivo de acompanhar a solenidade é que a filha mais nova do presidente, Laura Bolsonaro, 11 anos, está ingressando na unidade. Ela cursa o 6º ano, e a matrícula da garota foi motivo de polêmica, pois ela não participou do processo seletivo da instituição.

Segundo o presidente, o motivo de Laura ser matriculada no Colégio Militar de Brasília é a segurança. Ele falou sobre o tema a apoiadores em 9 de dezembro. Disse que foi criticado, mas que não se sentia seguro mesmo com os seguranças que o acompanham.

"Ela deve ir para o Colégio Militar [de Brasília] no ano que vem por questão de segurança. Me criticaram bastante, mas, se eu não estou seguro, imagina a minha filha? Com todo o respeito aos seguranças aqui [aponta para trás], mas não são 100% eficazes não", disse Bolsonaro a apoiadores ainda no ano passado.

Últimas