Brasília Defesa celebra data de implantação da ditadura no Brasil

Defesa celebra data de implantação da ditadura no Brasil

Ministério afirma que nos anos seguintes a 1964 houve um 'período de estabilização, segurança e crescimento econômico' 

  • Brasília | Carlos Eduardo Bafutto, do R7, em Brasília

Manifestantes são presos durante período da ditadura deflagrada por golpe de 1964

Manifestantes são presos durante período da ditadura deflagrada por golpe de 1964

Arquivo Estadão Conteúdo 01.01.1968

O Ministério da Defesa publicou nesta quarta-feira (30) em uma rede social uma "Ordem do Dia alusiva ao dia 31 de março de 1964", data em que foi deflagrado o golpe militar que resultou em 21 anos de ditadura no Brasil.

Segundo a pasta, nesta data "as famílias, as igrejas, os empresários, os políticos, a imprensa, a OAB, as Forças Armadas e a sociedade em geral aliaram-se, reagiram e mobilizaram-se nas ruas, para restabelecer a ordem e para impedir que um regime totalitário fosse implantado no Brasil."

Em uma nota publicada no próprio site, o ministério da Defesa afirma que a ditadura "resultou no restabelecimento da paz no País, no fortalecimento da democracia, na ascensão do Brasil no concerto das nações e na aprovação da anistia ampla, geral e irrestrita pelo Congresso Nacional".

Saiba mais sobre a ditadura militar no Brasil

Na madrugada de 31 de março para o dia 1º de abril de 1964, o então presidente João Goulart sofreu um golpe ao ser retirado do poder pelas Forças Armadas e seguiu para o exílio no Uruguai. Na época, o temor do comunismo fez com que os militares chegassem ao poder em um período que ficou conhecido pelo desrespeito aos direitos humanos e pelos casos de corrupção.

Últimas